Mortuus – Um favor para os mortos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Mortuus – Um favor para os mortos

Mensagem por Admin em Ter Jul 18, 2017 1:02 pm

Mortuus – Um favor para os mortos.
 
A voz de Eden praticamente mesmerizava aqueles humanos. A platéia pula e grita feito uma multidão de loucos. Fariam tudo que o líder da Children of Eternals pedisse, pois estavam apaixonados por seus encantos, sem jamais suspeitar de sua natureza como um deus da morte.  
 
Mas não só os vivos estavam ali para ouvir a música de Eden, fantasmas misturavam-se aos humanos em todos os cantos do auditório. Seus corpos translúcidos e frios não podiam ser sentidos pelas pessoas, e elas os ignoram totalmente. Nem mesmo os outros deuses podem vê-los. Das milhares de pessoas presentes, apenas Eden podia.
 
O show termina, e Mortuus se isola em seu camarim particular. Uisque e cigarros estão sobre uma mesinha a sua disposição. À sua direita, um grande espelho mostra que nem mesmo o suor, a maquiagem borrada ou os cabelos despenteados comprometeram sua beleza divina. Porém, não é só isso que o espelho mostra. Os fantasmas que ele vira no palco o acompanhou, estavam bem atrás dele!
 
- Não se preocupe, querido. Eles estão comigo. – Diz a voz tranquilizadora de sua mãe, materializando-se a partir de uma mortalha negra em um dos cantos do camarim.
 
A Morte radiante, a Morte encantadora, a Morte gentil surge para beijar a testa de seu filho com seus lábios macios.
 
- Preciso de um favor seu. – Ela diz, segurando em seu rosto e fitando seus olhos. – Estes senhores que você vê bem aqui foram assassinados sem o meu consentimento. Eram magos de um círculo benéfico que só queria praticar a sua magia em paz. Mas foram brutalmente mortos por um círculo de magos satanistas, e tiveram os seus segredos roubados. Eles me eram tão leais, mas veja o que lhes aconteceu...
 
Rostos tristes e gemidos lamurientos era tudo que Mortuus via naquele bando de fantasmas.
 
- Eles vieram a mim e me pediram por vingança. Quero ajudá-los, honrar a lealdade deles. Mas se eu fizer isso pessoalmente, os outros pegarão no meu pé, dizendo que estou me deixando levar demais por assuntos humanos. – Diz a Morte ao seu filho, demonstrando uma contrariedade quase infantil. – Quero que você vá até esta mansão em Palm Springs e ensine aqueles satanistas que com a morte não se brinca. – Ela termina, colocando um papel com o endereço anotado com batom nas mãos de Mortuus. 
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 269
Data de inscrição : 06/05/2016

Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum