Aqui se morre herói, ou se vive tempo o bastante para se tornar vilão.
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Dragon Ball Z

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte
AutorMensagem
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 441
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Sex Jun 22, 2018 2:17 pm

Oregan:

Ao fincar seus pés sobre o solo do planeta Goliath, o jovem guerreiro faz o básico, usa seu scouter para ter uma melhor noção do ambiente a sua volta. O aparelho apita alertando para indivíduos de poder considerável a uma distância tão grande que não chega a preocupar o garoto em um primeiro instante. Na direção dos sorrisos, a medição do poder de luta não passa de 10.

Oregan caminha em meio ao solo irregular daquela floresta, sentindo toda a umidade do ar molhar seus cabelos. Os insetos e plantas maiores do que ele não passavam de espectadores curiosos sobre seu destino. O garoto tinha o caminho totalmente livre em direção aos sorrisos femininos, desacortinando algumas moitas que encobriam a sua visão.

- Aaaaaaaaaaaa! – As mulheres gritam antes mesmo que o jovem entendesse o que estava acontecendo.

Sete mulheres nuas banhavam-se e se divertiam a beira de um lago termal, cobrindo a sua nudez como podiam assim que avistam a chegada de Oregan. Mas a diferença delas para mulheres normais é que suas peles tinham tons entre rosa, vermelho e azul, e elas eram pelo menos quatro vezes maiores do que um hominídeo normal, eram gigantes, que ao se agitarem faziam a terra ao redor tremer e lançavam ondas de água quente no leito do lago em que Oregan surgiu.

- O que faz aqui, invasor?! – Uma delas indaga, bastante contrariada.


Suzako:

O impiedoso guerreiro Saiyajin expande o seu ki, como havia orientado o seu mestre. Seu poder agora era tão grande que fazia as pedras se racharem e algumas árvores serem derrubadas com as lufadas de energia. Um sorriso orgulhoso nasce no rosto rígido de Vegeta, tanto pela demonstração de Suzako quanto por suas palavras. Tao Pai Pai se mostra tenso e entra em postura resguardada.

Suzako agarra: Destreza 16 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 51 sucessos.
Tao Pai Pai desvia: Destreza + Briga (Dif: 6) = 72 sucessos.

Suzako ataca: Destreza 16 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 55 sucessos.
Tao Pai Pai desvia: Destreza + Briga (Dif: 6) = 46 sucessos.
Suzako (Dano: Força 12 x5) = 35 sucessos.

Suzako usa Sword of Destruction: Energia 28 + Rajada 1 (+3D) x5 (Dif: 6) = 72
Tao Pai Pai desvia: Destreza + Briga (Dif: 6) = 46 sucessos.

O Saiyajin avança na direção do guerreiro humano, e sua insistência em ataques físicos irrita um pouco Vegeta, principalmente quando Tao Pai Pai desvia com facilidade de sua tentativa de agarrá-lo, mas Suzako logo responde com um soco que faz o humano se ajoelhar.

Quando Tao Pai Pai ergue novamente seu rosto deformado pelo golpe, se surpreende ao ver Suzako logo acima dele com um Sword of Destruction já preparado. O humano tenta se esquivar rolando para o lado, mas já era tarde demais. Suzako lhe acerta em cheio, criando uma enorme cratera no solo e erguendo um enorme cone de terra com o impacto. Tao Pai Pai agonizava em frangalhos, caído sobre a cratera com a terra cobrindo parte de seu corpo. O mais estranho de tudo é que ele não sangrava, seu corpo ia simplesmente se apagando aos poucos, mas ele ainda estava consciente...

- Malditos Saiyajins... Como é possível que sejam tão fortes?... Nem mesmo com uma técnica ensinada pelos deuses eu fui capaz de derrotá-lo... – Tao Pai Pai profere suas últimas palavras.

- Acabe logo com este verme, Suzako. Temos assuntos a tratar naquela caverna. – Diz Vegeta, sentando-se sobre uma pedra e aguardando por seu aprendiz.


Dirac Baldric:


Mesmo com o risco de comprometer a sua missão, o Tsufurujin decide preservar o que restou da vida daquele velho. As criaturas se aproximam com movimentos trôpegos e pesados. Embora elas não consigam enxergar os movimentos do guerreiro, elas começam a farejar o ar com sua aproximação, porém, tarde demais para agir.

Dirac Baldric ataca: Destreza 14 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 31 sucessos.
Troll 1: Sem ação.
Dirac Baldric (Dano: Força 20 x5) = 80 sucessos.

Antes de iniciar o combate direto, Dirac Baldric tenta uma manobra pra derrubar seus adversários no chão a fim de facilitar seu combate. Com um soco potente, ele atinge o chão coberto pelas cinzas, criando algum tremor e grandes rachaduras no solo. Os animais no celeiro se assustam, algumas das casas desabam com o tremor. Porém, por não ser essencialmente um guerreiro ele não conta que criaturas com um elevado poder de luta são imunes a truques tão básicos. Todos as criaturas continuam de pé, e farejando a presença do guerreiro, começam a cercá-lo.


Iniciativa:

1° Dirac Baldric: Raciocínio 4 + Prontidão 3 + 1D (2) = 9
2° Trolls: Raciocínio + Prontidão + 1D = 3


Theri:


Enquanto passavam pela casinha em que choro escandaloso era ouvido, Theri havia perguntado o motivo, e o Rei Cutelo prontamente lhe responde que se tratava de sua filha, e que chorava assim porque havia perdido algo muito precioso. E só de citar esse algo precioso, o próprio Rei Cutelo expressa certa tristeza nos modos de falar.

A floresta é vencida, e Theri finalmente encontra Kakaroto. A guerreira demonstra não gostar de ver aquele Saiyajin tão relaxado enquanto o príncipe e os outros o aguardam. Mas Kakaroto apenas despreza o seu sermão e continua a encarando, ficando feliz apenas quando a guerreira lhe propõe um desafio.

- E-Ei esperem, vocês não são da mesma raça? Precisam mesmo lutar? – O Rei Cutelo indaga, temendo a violência das lutas de Kakaroto.

- Cale a boca e fique longe, Rei Cutelo. – O Saiyajin ordena, entrando em postura de batalha também. – O meu irmão me falou que é assim que os Saiyajins se entendem, que somos uma raça guerreira que só se conhece de verdade dentro de um campo de batalha. Gosto da ideia. Então vamos fazer o seguinte. Se você me derrotar, eu vou com você até esse tal de príncipe Vegeta. Mas se eu vencer, você vai embora e vai mandar os Saiyajins ficarem longe da minha montanha.


Iniciativa:

1° Theri: Raciocínio 5 + Prontidão 5 + 1D (9) = 19
2° Kakaroto: Raciocínio + Prontidão + 1D = 9
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com
DragonHearth

avatar

Mensagens : 58
Data de inscrição : 05/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Sex Jun 22, 2018 3:04 pm

Existem seres interessantes aqui, eu penso antes de prosseguir. Analiso se minha capacidade de combate é maior do que a deles, queria voltar tão forte quanto meu pai e surpreende-lo.

Próximo a mim apenas sete mulheres que logo me percebem, a sensação de diferença de tamanho era nítida, mas um espirro meu mataria todas. Digo então algo não 100% correto, mas não 100% errada.

- Eu estava de passagem, procurando um lugar para passar a noite, ouvi vocês rindo e achei encantadora a voz então segui na direção.

Testava um pouco a gravidade desse planeta enquanto as fito nitidamente nos olhos, não deixando duvidas que ignorava seus corpos.

- E vocês? O que fazem aqui? Essa floresta não é perigosa?

Pergunto com tranquilidade e demonstrando estar preocupado com elas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com/t64-helena-dragonhearth
Tony.Saiyan

avatar

Mensagens : 60
Data de inscrição : 07/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Sex Jun 22, 2018 3:34 pm

Meu poder emanava... Sentia cada vez mais próximo da magnitude... Sabia que para derrotar os Metamorths ainda precisaria muito poder, mas essa realidade agora era palpável...

Escapa a minha tentativa de agarra-lo, mas o soco o deixa com a guarda aberta... A Sword atravessa o seu corpo o deixando à beira da morte no chão...

Mas algo chama a minha atenção... Mesmo diante de tantos golpe... Seu corpo não sangra, apenas começa a desaparecer...

Os corpos dos mortais sangram ao serem atingidos... Mas por que ele não ?

Ouço a pressa de Vegeta... Mas as palavras do humano me chamam atenção... Novamente uma menção aos Deuses...

Me aproximo dele, colocando o pé sobre seu peito...

Verme... Conte-nos como uma raça inútil como a de vocês conseguiu um poder nesse nível... Quem são os outros guerreiros que vimos nesse mundo... Vc se refere a deuses... Revele, ou prolongarei seu tormento nesse mundo...

Apertaria o seu peito e iria impor a minha vontade sobre ele para que ele revele...

Mesmo sobre a ordem de Vegeta de finalizar logo, tinha que extrair informações, era uma chance de descobrirmos quem eram esses guerreiros...



Enviado pelo Topic'it

_________________
Suzako - The Mercilles

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
art015

avatar

Mensagens : 61
Data de inscrição : 09/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Sab Jun 23, 2018 10:57 am

Hmm eles eram um pouco mais frágeis do que eu imaginava, mas nem tanto, por estarem me farejando ainda então não possuem meios de detecção de energia, porem, nada impede que algo possa ver através de seus olhos e fazer o mesmo, afinal podem ser apenas drones, batedores simples, esse planeta já não deve ter muita energia disponível então deve ser fácil nos detectar aqui, teremos que ser rápidos...



Mas mesmo que acabemos com eles rápido ainda teremos que pensar em como derrubar esses outros dois. não sabemos o quanto de energia já consumiram, mas pelo tamanho dessa arvore, imagino que não serão fáceis como esses, bom, podemos ficar com nossa exposta para atrai-los, mas isso será arriscado, fora que mesmo que esperado, não saberemos como nem como podem atacar, a ultima coisa que precisamos é de um deles dando uma de snyper com lente de visão de calor, fora que a altura dessa arvore, ela está acima da linha da atmosfera, quase no vácuo do espaço já, não podemos simplesmente ir voando até lá eu acho, temos que descobrir algo, mas como... Posso controlar uma dessas criaturas mas se são drones, eu duvido que tenham a informação, ou qualquer raciocínio com complexidade para isso, vamos descobrir.



Off: 4 golpes, 3 cruzados para cada um deles, no ultimo eu vou tentar controlar e pedir para me levar até quem plantou essa arvore, depois de assumir controle eu apago meu ki.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Theri

avatar

Mensagens : 58
Data de inscrição : 05/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Sab Jun 23, 2018 5:03 pm

O Kakaroto aceitou meu desafio, acho que ele nem tem ideia no quebra se metendo coitado. Fico rindo da proposta dele, tanto faz qual era a minha resposta, se ele não viesse comigo estaria morto em breve.

- Seu irmão não deve ter te contado sobre a diferença entre um sayajin de elite como eu e um sangue fraco como vc. Deixa eu te explicar...

Uso minha velocidade pra aparecer atrás dele e dou um soco jogando ele pro alto. Depois apareço embaixo dele e chuto pro alto. No alto junto as minhas mãos e ataco ele pra jogar contra o chão.

- Aprendeu a diferença?

Off: 2 de energia.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 441
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Dom Jun 24, 2018 1:23 pm

Oregan:


As palavras do jovem Saiyajin não servem para convencer ou acalmar aquelas mulheres gigantes. Elas ainda estavam incomodadas com a sua invasão àquele lugar privado, se mostrando ainda mais agitadas, ao ponto de tentarem criar ondas no lago que espantasse Oregan como se espanta um inseto.

Porém, aquelas pequenas ondas de água apenas se chocam de maneira patética contra os pés do jovem Saiyajin, sem lhe oferecer a menor ameaça. Desconfortáveis, elas ainda tentavam encobrir a sua nudez dos olhos do garoto, algumas se escondendo atrás das outras.

- Saia daqui, invasor! – Elas gritam sem parar.

Sem ser ameaçado pelas ondas e tremores que aquelas mulheres produzem, Oregan faz alguns movimentos simples, procurando testar a gravidade daquele planeta. Não era nada forte, era uma gravidade típica de mundos com nível baixo de poder, o que deixa no ar a dúvida sobre os seres de poder tão elevado que seu scouter havia detectado.

Avaliação:
 


Suzako:

O guerreiro demonstra por que levara a fama de impiedoso pelos exércitos de Freezar. Ao pisar sobre o peito de Tao Pai Pai e quase esmagar seu tórax, o inimigo grita de dor de um modo que espanta os pássaros empoleirados nas árvores da ilha. O fato de não sangrar não queria dizer que não poderia ser torturado.

- Você pode ter vencido esta luta, Saiyajin... Mas eu garanto que não vencerá a batalha... Existem outros como eu. Kami Sama pediu, e os deuses ficaram do nosso lado... Em uma semana nós expulsaremos a sua raça nojenta para que o nosso planeta possa voltar a prosperar... – Tao Pai Pai murmura.

Vegeta não parecia mais tão apressado em deixar o inimigo para trás. Ao ouvir sobre os deuses, ele se mostra um pouco mais interessado, principalmente porque esperava ir ao encontro de um. Quanto ao desafio, isso apenas o diverte.

- Riam enquanto podem... Os outros cinco irão me vingar... Vejo vocês no inferno. – Tao Pai Pai diz suas últimas palavras.

Seu corpo finalmente desaparece por completo, deixando para trás apenas as marcas da intensa batalha no solo. O serviço de Suzako havia terminado, e quando o guerreiro retorna até seu mestre, percebe que Vegeta aproveitava o momento para ler o pergaminho sobre o Super Saiyajin dado por Yubelluna.

- Estas escrituras só comprovam aquilo que meu pai me pediu para sempre acreditar. Antes eu temia que não passasse de apenas uma lenda para aquecer as nossas esperanças, mas tudo muda com esse pergaminho... – Diz Vegeta, olhando finalmente para seu aprendiz. – Essa luta cobrou muito de você. Se não estiver bem para continuar, fique para trás.

Vegeta se ergue da pedra em que estava sentado e caminha até a caverna.

Avaliação:
 


Dirac Baldric:


Aquelas criaturas definitivamente tinham mais resistência do que os soldados que enfrentou no planeta Spartacus, mas ainda não eram páreo para a grande força física de Dirac Baldric. Com um cruzado, o guerreiro havia atravessado o peito daquele Troll, sentindo o sangue verde e frio da criatura escorrendo pelo seu braços.

Dirac Baldric ataca: Destreza 14 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 37 sucessos.
Troll 2 desvia: Destreza + Briga (Dif: 7) = 14 sucessos.
Dirac Baldric (Dano: Força 20 x5) = 65 sucessos.

Dirac Baldric ataca: Destreza 14 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 40 sucessos.
Troll 3 desvia: Destreza + Briga (Dif: 7) = 17 sucessos.
Dirac Baldric (Dano: Força 20 x5) = 90 sucessos.

Dirac Baldric ataca: Destreza 14 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 49 sucessos.
Troll 4 desvia: Destreza + Briga (Dif: 7) = 17 sucessos.
Dirac Baldric (Dano: Força 20 x5) = 70 sucessos.

Dirac Baldric ataca: Destreza 14 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 26 sucessos.
Troll 5 desvia: Destreza + Briga (Dif: 7) = 13 sucessos.
Dirac Baldric (Dano: Força 20 x5) = 55 sucessos.

Após o primeiro ataque, havia sobrado quatro daquelas criaturas, que agora estavam cientes da presença do Tsufurujin, mas cientes não significava preparadas. Com um cruzado devastador, Dirac Baldric deixa o Troll 2 bastante debilitado. O terceiro Troll é morto com seu corpo sendo lançado contra um dos celeiros. O quarto tem o lado direito do peito atravessado, mas permanece de pé embora o buraco exsude muito de seu sangue. O quinto também é atingido, mas ainda resiste bem.

Dirac Baldric ataca: Destreza 14 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 39 sucessos.
Troll 5 desvia: Destreza + Briga (Dif: 7) = 4 sucessos.
Troll 5: Força de Vontade 2 (Dif: 6) = 1 sucesso.

Com sua velocidade, Dirac Baldric novamente coloca a mão sobre a ferida da criatura. O Troll 5 mais uma vez se mostra lento demais para evitar, e assim, o Tsufurujin implanta uma pequena parte de seu corpo naquele ser para controlá-lo. A criatura não é das mais privilegiadas mentalmente, e acaba sucumbindo ao domínio de Dirac, seus olhos brilhando em vermelho vivo.


Iniciativa:

1° Dirac Baldric: Raciocínio 4 + Prontidão 3 + 1D (7) = 14
2° Trolls: Raciocínio + Prontidão + 1D = 10


Status:
 


Avaliação:
 


Theri:


O desafio excita a guerreira ao ponto de ela rir com a proposta de seu oponente. Era admirável que apesar de poder sentir o ki enorme da assassina, Kakaroto ainda estivesse disposto a desafiá-la. Sendo assim, cabia a Theri mostrar a ele a diferença entre os dois.

Theri ataca: Destreza 13 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 26 sucessos.
Kakaroto desvia: Destreza + Briga (Dif: 6) = 21 sucessos.
Theri (Força 13 x5) = 35 sucessos.

Theri ataca: Destreza 13 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 40 sucessos.
Kakaroto desvia: Destreza + Briga (Dif: 6) = 29 sucessos.
Theri (Força 13 x5) = 45 sucessos.

Theri ataca: Destreza 13 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 42 sucessos.
Kakaroto desvia: Destreza + Briga (Dif: 6) = 18 sucessos.
Theri (Força 13 x5) = 40 sucessos.

A diferença entre uma guerreira de elite contra um Saiyajin de baixo nível se comprova abissal. Theri surge atrás de Kakaroto, o surpreendendo com sua velocidade. Um murro o joga a uma distância extraordinária, fazendo até mesmo o Rei Cutelo ficar embasbacado. Então, novamente a guerreira usa sua velocidade e surge embaixo de Kakaroto enquanto ele era arremessado, chutando seu corpo para cima como se ele fosse um objeto. No fim, Theri surge acima do guerreiro e lhe atinge com as mãos juntas, lançando Kakaroto contra o rio e fazendo transbordar uma grande quantidade de água.

Com o corpo todo quebrado, o Saiyajin se desloca com dificuldade até a borda, agarrando-se ao solo como um inseto. Mas ao invés de lamentar suas feridas, Kakaroto apenas ri contente, vomitando sangue pela grama e incapaz de se mover.

- Sim, já chega. A nossa raça é realmente muito forte, agora entendo por que eu era tão diferente dos humanos e consegui dominar esse planeta. – Ele diz.

Rei Cutelo caminha até Kakaroto, o segurando com cuidado para não machucá-lo e o tirando daquele rio. Os dois seguem em direção àquele casebre que a guerreira havia visto e convidam Theri a segui-los. Feito isso, a guerreira nota que a choradeira havia diminuído a alguns poucos murmúrios menos irritantes, e que a filha do Rei Cutelo era uma bela mulher de características orientais, cuidando do seu lar ao lavar a louça.

Chichi:
 

- O que houve com você? Quem o deixou assim? – Ela pergunta ao ver o estado de Kakaroto.

- Não importa. Me ajude a sentar sobre aquela cadeira. – O Saiyajin ordena.

Enquanto entrava naquela casa tão simples, Theri nota logo de imediato algo que lhe chama a atenção. Havia alguém deitado sobre uma colchão na sala daquele lugar, alguém que pelos cabelos em abundância, o corpo robusto e a cauda esparramada pelo chão, a guerreira reconhece como sendo Raditz, a quem ela viera procurar. Ele estava desacordado, livre de seu traje e com um curativo mal feito sobre uma enorme ferida em seu abdômen!

Raditz:
 

Avaliação:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com
DragonHearth

avatar

Mensagens : 58
Data de inscrição : 05/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Dom Jun 24, 2018 1:33 pm

_Serio que esse planeta é tão ruim assim? - digo em voz baixa ignorando as ondas.

Volto a minha forma normal, não precisava esconder meu poder nesse momento, voo até uma delas e dou um soco contra a cabeça dela.

_Eu queria fazer umas perguntas, as senhoritas estão dispostas a responder?

Sorria como se aquilo não fosse nada demais.

_Quem manda nesse planeta? Vocês possuem um Kami- Sama aqui? E por ultimo e não menos importante... onde fica a floresta sagrada?

Me movo rapidamente impedindo a fuga e dizendo:

_Quem me responder primeiro eu penso em não matar...

Eu ia destruir todo mundo se fosse necessário, tinha poder pra isso? Sim, mas ainda era pouco e iria atrás de mais.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com/t64-helena-dragonhearth
Tony.Saiyan

avatar

Mensagens : 60
Data de inscrição : 07/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Seg Jun 25, 2018 9:21 am

Os gritos do guerreiro não fazem com que eu afrouxe a pressão... Mesmo sem sangue escorrendo de seus ferimentos, era nítido seu sofrimento...

Ele logo revela algumas informações...

Mandem todos seus guerreiros renascidos... Iremos eliminar a todos novamente... Isso nos tornará ainda mais fortes...

Mas ele logo desaparece... Deixando de existir nesse mundo, deixando apenas as marcas de um combate no solo...

Me aproximo de Vegeta e vejo que o mesmo lia o pergaminho...

A presença dos Deuses cada vez mais se torna real... Crescemos confiando apenas no poder que nossos punhos poderiam nos oferecer...

Vejo ele falar sobre a lenda dos Saiyajins... Me recordo da fúria que senti quando vi as Sacerdotizas sendo usadas pelos soldados...

Ao estarmos em Spartacus... Assim que vimos as Sacerdotizas... Os soldados de Freeza e Cold se aproveitavam de seus corpos... Eu senti uma fúria percorrer todo meu ser... Como se meu corpo se tornasse um com a minha fúria...

Ele então guarda o pergaminho e olha para a caverna... Falando que poderia entrar sozinho...

Não está querendo amolecer meu coração está ? Sei que somos poucos restantes no mundo... Mas não ficaremos mais fortes recuando... Existem outros 5 guerreiros nesse planeta tão forte ou até mais que esse que derrotei... Vou eliminar todos para que enfim estabeleçamos o nosso império... O Rei Vegeta nos olhará do inferno e se banqueteara com o sangue dos inimigos que derramaremos sobre todos os Saiyajins que morreram... Juntos vamos mostrar ao universo o que acontece quando se enfurece um Saiyajin...

Passo a mão sobre os ferimentos... Isso apenas me tornaria mais e mais forte...

Vamos encontrar Yamoshi... E descobrir até onde vai seu poder...

Iria me colocar a frente de Vegeta a entrada da caverna... Não como forma de tirar a sua hierarquia... Mas ele era mais importante existir e eu seria a sua espada e seu escudo... Se algo ameaçasse a nossa presença nesse local, eu iria eliminar...

Elevaria meu Ki para iluminar o local... E seguiria para dentro a caverna...

Enviado pelo Topic'it

_________________
Suzako - The Mercilles

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
art015

avatar

Mensagens : 61
Data de inscrição : 09/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Seg Jun 25, 2018 1:33 pm

Tempo é sempre uma questão importante, para os sayajins nem tanto, mas para nós, maquinas mutantes criadas no ultimo folego de desespero, tudo tem que ser rápido e com perfeição, como... como compor uma bela musica, uma orquestra! O mais perto de uma divindade que algo ou alguém pode chegar sem muitas mirabolâncias é ao criar, claro, sayajins, ao menos os 99,99% jamais serão capazes de compreender o sentimento que é, não dominar apenas, mas controle e conhecimento de tudo, desde os menores acordes até a execução dos contrapontos mais intrincados, manter uma harmonia, acredite desde as simples células nervosas até as ações mais complicadas, dos golpes mais poderosos até a arte fina dos dedos, sayajins podem ter a força dos deuses, bom assim como qualquer um como esses que plantam essas coisas, essas "arvores" por exemplo, sim, todos que seguem nesse caminho não possuem exceções aos meus parâmetros, todos estão preso no simples e mais básico ciclo evolutivo, e nós, só pelo fato de estarmos tentando sobreviver longe desse ciclo, mesmo que um degrau acima apenas, já demonstra como podemos ir mais longe que sós mal podemos imaginar...



Com a mão no ferimento eu controlo este ser, "...Das sombras reconquistaremos tudo aquilo que na noite nos foi tomado...", submeta-se



Agora não resta muito dessas coisas, mas apenas um passo minusculo que será escalar essa montanha, aah ou melhor, arvore, montanha me refiro ao desafio de derrotar esses que já consumiram desses frutos, que se acham acima talvez apenas pelo seu poder que cresce em demasia, huh, nunca entenderam o que é um legitimo apex evolutivo, a perfeição que só pode surgir da união entre formas organinas e sintéticas...



Off: Dois golpes gastar 1 ponto de energia, atingir com um uppercut o golem 2 e cruzado na barriga do 4 para tentar explodir suas costas com a força.



Depois dos golens sucumbirem, pedimos para que este sob controle nos leve até estes frutos, até estes seres que plantaram esta coisa.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Theri

avatar

Mensagens : 58
Data de inscrição : 05/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Seg Jun 25, 2018 1:43 pm

A luta foi mtu rápida msm sabendo que Kakaroto era um sayajin de sangue fraco eu esperava mais. Eu queria exterminar ele ali msm mas eu lembro que somos poucos e me acalmo.

- Disse que se eu ganhasse vc iria vir comigo, então se recupera logo e vamos embora.

Aquele gigante leva Kakaroto pra sua casa onde a mulher chorava. Não sei se eu queria ficar ali ouvindo ela chorar mas não tenho escolha. Até foi bom eu entrar na casa, logo quando entro vejo a segunda parte do meu plano.

- Raditiz. O que foi que aconteceu com ele?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 441
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Ter Jun 26, 2018 10:29 am

Oregan:


O jovem Saiyajin se mostra desapontado quanto a reação destemperada daquelas mulheres. Seria muito difícil estabelecer um contato com elas gritando daquele jeito, então Oregan toma uma atitude drástica, voando na direção de uma daquelas mulheres e lhe atingindo a face com um soco. A cabeça dela explode feito um balão ao menor contato com o punho do garoto, seu sangue e miolos sujando aquelas mulheres assim como manchando as puras águas do lago termal.

Ante esta verdadeira cena de terror, as mulheres gigantes começam a gritar ainda mais alto, se agitando de forma a criar intensos tremores no solo. Oregan começa a se perguntar se seria mesmo possível arrancar respostas dela daquela forma, se não seria muito mais útil destruí-las de uma vez e ir atrás de alguém capaz de lhe dar informações. Porém...

- Os gigantes deste planeta são considerados criaturas sagradas. Como se atreve a matar uma delas?! – Grita alguém, sobrevoando as árvores ao seu lado direito. – Nem mesmo a sua morte é suficiente para compensar este crime, mas terei de encomendá-la.

Quando Oregan olha na direção, nota um guerreiro alto e musculoso, com o corpo totalmente branco, face carrcancuda e garras nos dedos. Partes de uma bela armadura adornavam seu corpo, enquanto um machado enorme estava pendurado em suas costas. Seus cabelos tão brancos quanto sua pele se viam presos no topo da cabeça. Ao medi-lo, o scouter de Oregan apontava 16 mil de poder de luta.

Guardião:
 

- Guardião, por favor, nos salve! – As gigantes gritavam para aquele guerreiro, que era o único de tamanho natural que Oregan vira até agora naquele planeta.

O guerreiro saca seu machado das costas, olhando para o Saiyajin de maneira hostil e pronto para o combate.


Iniciativa:

1° Oregan: Raciocínio 4 + Prontidão 4 + 1D (6) = 14
2° Guardião: Raciocínio + Prontidão + 1D = 11

Avaliação:
 


Suzako:


Vegeta sorri cruel e orgulhosamente com a resposta corajosa de seu discípulo, caminhando à frente enquanto Suzako o acompanha. Os dois adentram a escuridão da caverna, caminhando por um trecho tão longo que por um instante começam a pensar se não se perderam no vácuo, pois sequer viam mais a entrada. Restava aos Saiyajins apenas continuar, procurando se apegar mais à esperança de que conseguiriam do que ao desespero que começava a nascer em seus corações.

Mas valeu a pena perseverar... Depois de um tempo os Saiyajins finalmente encontram uma saída que não era exatamente uma luz no fim do túnel, mas a entrada para um planeta assustador, desértico, e escuro. Nuvens negras de tempestade encobriam o céu, lançando relâmpagos violentos em diferentes pontos daquele lugar. A gravidade ali era muito maior do que em qualquer planeta em que os dois já estiveram, tentando a todo custo esmagá-los contra o solo.

Cenário:
 

Suzako: Vigor (Dif: 6) = 45 sucessos.

Vegeta: Vigor (Dif: 6) = 40 sucessos.

Com algum esforço, os dois Saiyajins conseguem se manter de pé e caminhar entre aquelas dunas. Não era incomum ver naquele lugar ossadas de criaturas de tamanho considerável aqui e ali, na verdade aquele deserto era como um cemitério, cheio delas.

- Eu nunca tinha visto um mundo tão hostil quanto esse. Se parece até com... – Vegeta dizia, sendo interrompido subitamente.

Os dois Saiyajins notam que suas pernas estavam sendo engolidas por uma piscina de areia mais úmida e maleável. Nem mesmo suas forças os ajudava a livrar-se tão facilmente da substância pegajosa daquela areia. Seria preciso agir rápido, ou seriam totalmente engolidos pelo estranho deserto...

Avaliação:
 


Dirac Baldric:

Após controlar com facilidade a mente de uma das criaturas, o Tsufurujin se volta para os outros dois que restaram. Eles não haviam percebido o que o guerreiro havia feito, e nem fazia diferença, apenas avançam contra a força invisível que detectaram ao seu redor, tentando desesperadamente eliminá-lo ao ver que seus números estavam diminuindo.

Dirac Baldric ataca: Destreza 14 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 32 sucessos.
Troll 2 desvia: Destreza + Briga (Dif: 7) = 1 sucesso.
Dirac Baldric (Dano: Força 20 x5) = 65 sucessos.

Dirac Baldric ataca: Destreza 14 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 37 sucessos.
Troll 4 desvia: Destreza + Briga (Dif: 7) = 5 sucessos.
Dirac Baldric (Dano: Força 20 x5) = 60 sucessos.

O segundo Troll estava bem próximo e não foi difícil para o guerreiro atingi-lo com um gancho. Tão grande fora a força do golpe que a cabeça da criatura é lançada a uma altura de se perder, enquanto seu corpo apenas cai inerte ao chão. Em seguida, Dirac Baldric avança contra o quarto Troll, atingindo-lhe tão forte no peito, que um buraco é aberto em suas costas, por onde sua tripa e pedaços de coluna são brutalmente expelidos.

Terminada a batalha, Dirac Baldric não demonstra mais o menor interesso por aquele vilarejo fantasma. Ele se vira para o Troll que agora era seu servo e lhe pede que o leve até os responsáveis por aquela árvore gigantesca na cidade. O Troll não esboça qualquer expressão em sua cara feia, apenas começa a correr em um pequeno trote...

A distância entre o vilarejo e a cidade era curta, e na metade do caminho, o Tsufurujin já contemplava a robusta muralha de pedra que a protegia. Os portões fechados pareciam feitos de chumbo, extremamente pesados. Mas o que preocupava de verdade o guerreiro são algumas movimentações fáceis de serem notadas no topo da muralha. Aguçando bem os olhos, Dirac Baldric nota que uma quantidade grande daqueles Troll a contornavam como verdadeiros sentinelas.

Avaliação:
 


Theri:

Surpresa em ver Raditz ferido e desacordado daquela forma, Theri se volta para Kakaroto e lhe indaga sobre o que havia acontecido ao guerreiro. Kakaroto demonstra certa raiva, elevando seu ki, de forma a fazer as paredes e objetos da casa tremerem. Rei Cutelo fica um pouco assustado, enquanto Chichi tenta salvar suas coisas.

- Meu irmão chegou a Terra faz mais de um ano. Nós o recebemos muito bem aqui e ele passava um bom tempo conosco enquanto dizia esperar pela chegada do príncipe Vegeta. – Kakaroto começa a explicar. - Certa manhã ele decidiu desbravar as montanhas com o meu filho, Kraz. Então eu comecei a sentir um poder de luta espantoso em conflito com o deles bem na região para onde os dois foram. Mas quando eu cheguei, já era tarde. Raditz estava à beira da morte, e Kraz fora levado por este guerreiro misterioso.

Contar esta história faz a humana Chichi desmanchar-se novamente em lágrimas. Ela é abraçada e consolada pelo Rei Cutelo. Kakaroto ainda estava enfurecido, mas já não ameaçava mais perder o controle e fazer aquela casa desabar.

- Theri, eu sei que prometi a você ir até o príncipe Vegeta se me derrotasse, mas eu disse a minha esposa que traria o Kraz de volta. Além disso, meu sangue está fervendo de vontade de encontrar esse guerreiro que atacou Raditz desse jeito. – Kakaroto confessa. – Amanhã, quando eu estiver com o corpo recuperado, vou sair e caçar esse infeliz. Você pode ficar por aqui com Raditz e eu garanto que será tratada muito bem. Juro que não irei demorar.


Avaliação:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com
DragonHearth

avatar

Mensagens : 58
Data de inscrição : 05/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Ter Jun 26, 2018 12:38 pm

Que gritaria, eu estava desperdiçando meu tempo com essa mulherada inútil, começo a coçar a cabeça...

_Nossa vocês são escandalosas vou até embora...

Quando penso nisso, claro que as mataria, pois alertariam sobre minha presença, sinto uma aproximação, elas o chamam de guardião e o scouter mostra 16000 de poder de luta, disse algo sobre os gigantes serem sagrados... será que eram como as sacerdotisas, mas desse planeta?

Bom não tinha muito o que pensar, o cara falava muito e certamente estava querendo me matar.

-Ah finalmente alguém que fala, sem gritar eu só queria a resposta de algumas perguntas, se eu te derrotar você me conta? - digo sorrindo antes de me mover.

Estava ansioso era minha primeira luta contra ele, me movo o mais rápido que posso para acertar seu estomago com uma cotovelada, depois um uppercut, um chute no joelho e uma sequencia de 5 socos.

Então o jogaria para o alto e soltaria um Hellblaze.

Via que meu Oozaru sorria com a luta.

Off:
Cotovelada
Soco
Chute
Soco
Soco
Soco
Soco
Soco
Hellblaze
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com/t64-helena-dragonhearth
Tony.Saiyan

avatar

Mensagens : 60
Data de inscrição : 07/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Ter Jun 26, 2018 4:30 pm

Caminhava pelo tunel... Sabia que diante da minha posição decidida a seguir ao seu lado, ele ficara orgulhoso... Seguimos pela caverna... Durante um tempo, só ouvimos nossos passos... E sem sinal de saida...

Que infernos de caverna... Onde isso vai dar ?

Sentia cada vez mais me afastando da ilha... Mas não chegavamos a lugar algum...

Isso me tornará mais forte... Tenho uma semana para ser capaz de aniquilar todos esse guerreiros que adiquiriram a benção dos deuses... Eles desafiam o nosso retorno como Raça Guerreira...

Aperto o punho... Tinha que ficar ainda mais forte... Sabia que Vegeta recebera o chamado de Yamoshi para vir a essa caverna...

Yubelluna confia que esse Deus realmente exista... Ela já usou seu nome antes em Spartacus... E ela confia cegamente que a Lenda do SSJ seja verdadeira...

Respiro fundo e continuo meu caminho... Se ela confiava que algo assim existia... A ponto de mante-la viva todo esse tempo em Spartacus... Tinha que confiar em seu conhecimento... O que ela me ensinou durante esse tempo sobre a nossa Raça... E ela pode saber ainda mais... Mas seguindo a sua voz em meu ouvido, me falando para continuar a avançar, a confiar meu coração aos segredos que os Saiyajins a tanto esqueceram...

Logo uma luz surge no final do túnel... O cénario do outro lado não se parecia em nada com o planeta em que estavamos... Claramente haviamos alcançado de alguma forma um outro planeta...

Assim que passamos o limiar da caverna, sentimos nossos corpos sendo pressionados ao solo... A gravidade naquele planeta era absurdamente alta...

Sinto como se meu corpo fosse ser esmagado ao solo...

Firmo meus pés... E aperto os dentes e o punho...

Arrh... Esse planeta...

Me sustento, e logo tento me acostumar com a gravidade e vendo que Vegeta tb suportara caminhamos pelo local... Vejo que o local era realmente inospito... Cadaveres de criaturas estavam no local...

Estamos no local de caça de alguma criatura...

Ao caminharmos mais, Vegeta parece se lembrar um pouco sobre esse local... Mas logo percebemos que caimos em um local que nos tragava... Procuro não me mover...

Não se mova...

Alerto Vegeta... Iria olhar o solo e a região a volta... Iria tentar identificar a melhor alternativa logo...
Após analisar o solo, iria tentar ver a melhor alternativa...

Mestre... Precisamos fazer da seguinte forma...

Iria tentar conduzir as nossas ações com base na minha analise do local...

1 - Iremos emanar o nosso Ki de forma explosiva, fazendo com que o terreno a nossa volta se expando devido a pressão do nosso poder e então voarmos para sair desse solo...

2 - Iremos atingir o solo com nossas energias criando assim uma explosão e dispersar o solo, e com isso voarmos saindo desse local...

Gastar FDV no teste de estudo e para sair, seja alternativa 1 ou 2

_________________
Suzako - The Mercilles

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Theri

avatar

Mensagens : 58
Data de inscrição : 05/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Qua Jun 27, 2018 5:41 pm

Alguém atacou Raditiz e os únicos que tem poder pra isso são os donos daqueles kis que senti na cidade a pouco tempo. Eles são inimigos então mas por que não mataram Raditiz?

- Quer parar de ser burro? Quem levou seu filho tá tentando levar vc pra uma armadilha. Se vc for sozinho tá ferrado.

Olho pro Raditiz e pra ferida dele. Ele não era um guerreiro tão forte, poderia ter morrido com um movimento. Aquele ki de trinta mil poderia me triturar tbm.

"Mas apesar de ser um fraco Kakaroto e eu podemos dar conta. Somos sayajins não somos"

- Se recupere. Eu vou com vc salvar o seu filho. Ele é um sayajin tbm né? Somos tão poucos que se mexer com um mexeu com tds.

Iria sair da casa e esperar até o Kakaroto se recuperar. Iria até um lugar isolado daquele rio e tomar um bom banho pra relaxar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
art015

avatar

Mensagens : 61
Data de inscrição : 09/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Qui Jun 28, 2018 12:37 pm

Organismos criados, pelo padrão devem ser como nós, só que não ativados por programas apesar de também possuírem órgãos de tecido vivo e estrutura similar a organismos assim, curioso, agora não adiantada nada eu ir ver o velho, antes vamos derrubar essa coisa, e talvez ele veja isso, talvez, e então partimos, apago meu ki e me limpo bem para não verem uma mancha voando em pleno ar, melhor maneira de estragar um disfarçe desses, e erro mais básico.



Logo chegamos em uma grande muralha, o que havia atras dos portões era outra historia, acima um prologo, diversas dessas criaturas andavam vigiando o lugar, ou pareciam vigiar ao menos, muitas delas, mas por que manter um exercito tão grande num planeta abandonado se não planejam montar uma colonia aqui? Só resta ver se ele consegue passa pelo portão, se esse ser tiver conectado a algum tipo de hive mind talvez ele seja percebido e abatido, nesse caso teríamos que cruzar voando, ou seja correndo o risco de sermos descobertos e... HA um passo de cada vez, a situação é urgente mas não adianta nada forçar, vamos por partes, só imagino o quanto de energia necessário para manter todas essas criaturas andando, com capacidade básica de luta, podem não ser fortes mas seu grande numero seria um problema, e só imagino que se gastam tanto para manter essas coisas assim, eles devem ter muito mais com eles, huhuhu aiai vamos lá, estamos olhando o abismo, mas vamos entrar enquanto ele não olha de volta...



Até os frutos, até quem comanda esse lugar...




Era hora de entrarmos, agora se ele não conseguir abrir caminho ou ser pego, bom ai coisa fica... Agitada demais pro meu gosto, sei que vocês sayajins adoram uma pancadaria geral, mas eu prefiro seguir na linha parasita, sem ser percebido até que seja tarde demais para fazerem algo...



Off: Ordenar para a criatura nos levar aos frutos, a quem comanda o lugar, e seguir.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 441
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Sab Jun 30, 2018 2:26 am

Oregan:


De saco cheio das mulheres gigantes que gritavam o tempo inteiro, Oregan se sente feliz ao ver alguém naquele planeta capaz não só de lhe dar algumas respostas sensatas como também de uma boa luta. Ao ser desafiado, o jovem Saiyajin expande o seu ki e avança contra o oponente, que coloca seu machado a frente do corpo para se proteger.

Oregan ataca: Destreza 9 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 16 sucessos.
Guardião apara: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 46 sucessos.

Oregan ataca: Destreza 9 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 19 sucessos.
Guardião apara: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 46 sucessos.

Oregan ataca: Destreza 9 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 34 sucessos.
Guardião apara: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 26 sucessos.
Oregan (Dano: Força 10 x5) = 40 sucessos.

Oregan ataca: Destreza 9 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 20 sucessos.
Guardião apara: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 36 sucessos.

Oregan ataca: Destreza 9 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 26 sucessos.
Guardião apara: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 31 sucessos.

Oregan ataca: Destreza 9 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 28 sucessos.
Guardião apara: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 29 sucessos.

Oregan ataca: Destreza 9 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 38 sucessos.
Guardião apara: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 31 sucessos.
Oregan (Dano: Força 10 x5) = 30 sucessos.

Oregan ataca: Destreza 9 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 26 sucessos.
Guardião apara: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 18 sucessos.
Oregan (Dano: Força 10 x5) = 35 sucessos.

Oregan usa Hellblazer: Energia 18 + Rajada 2 x5 (Dif: 6) = 58 sucessos.
Guardião desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 36 sucessos.

Ainda que conseguisse erguer aqueles pesos com facilidade, Oregan começava a sentir o quanto eles o limitava. Alguém com um poder de luta de 16.000 já não deveria ser páreo para o garoto, mas Guardião imbui seu machado enorme com sua energia e consegue aparar a maioria dos ataques do Saiyajin, sendo atingido por apenas um chute e um soco.

Mas quando Oregan junta as mãos e concentra o seu Hellblazer, a luta muda de figura. A rajada de energia é lançada, surpreendendo Guardião e assustando aquelas mulheres. O oponente é lançando contra uma das margens do lago termal e ali explodido junto ao cenário. Porém, quando as águas se acalmam e a poeira baixa, Guardião ressurge pronto para continuar o combate, embora um pouco ferido.

- Resposta? Não vai viver para fazer perguntas! – Guardião brada, apontando seu machado para Oregan.


Iniciativa:

1° Oregan: Raciocínio 4 + Prontidão 4 + 1D (1) = 9
1° Guardião: Raciocínio + Prontidão + 1D = 9

Status:
 

Avaliação:
 



Suzako:


Suzako e Vegeta tinham suas pernas presas naquela areia que parecia pesar toneladas, afundando mais a cada tentativa fútil de se libertar. Àquela altura, a areia já havia lhes consumido metade do corpo, prometendo lhes engolir por inteiro em menos de um minuto. Vegeta estava furioso com a situação, continuando a tentar se libertar de qualquer jeito e afundando cada vez mais. Mas Suzako tenta orientar seu mestre.

Suzako: Energia 29 (Dif: 6) = 84 sucessos.

Vegeta: Energia ?? (Dif: 6) = 87 sucessos.

Os dois Saiyajins expandem seu ki ao mesmo tempo, fazendo o solo do deserto estremecer e uma cortina de terra ser erguida. A toda a vibração afasta o poço de areia movediça, de forma a fazer a areia perder a sua aderência. Assim, os dois guerreiros se vêem livres da armadilha e voam para longe.

- Você foi bastante engenhoso, meus parabéns. – Diz Vegeta, voando ao seu lado. – Veja, uma floresta. Vamos voar até lá. Ficar vagando nesse deserto asqueroso não me agrada nem um pouco.

Estranho encontrar uma floresta em meio ao deserto, mas o fato é que ela estava lá com sua vegetação exótica em cor predominantemente marrom. Era uma floresta vasta, de árvores e mata muito alta, podendo oferecer aos dois alguma cobertura contra os perigos daquele mundo. E de fato, é o que ocorre quando os dois chegam a esta área selvagem.

Suzako e Vegeta caminham por trilhas formadas naturalmente, tendo as árvores enormes e as folhas como possíveis guardiões ao menor sinal de perigo. Porém, tal floresta era escura como todo o planeta, e pouco se podia ver enxergar do caminho a frente, tanto é que somente muito tarde os guerreiros percebem estarem cercados inúmeros olhos vermelhos ocultos na escuridão ao redor, pares de olhos enormes que os fitava com uma fúria indescritível.

- Rrrrrrrrrrrrgh! – Urra de maneira cavernosa algo na escuridão.

Vegeta não parecia preocupado, até ver o que sai da escuridão para abordá-los. Um Oozaru enorme e musculoso, cheio de cicatrizes pelo corpo. Outros Oozarus surgem, criando um círculo em torno dos guerreiros. Todos eles se mantinham parados e contemplativos, enquanto o Oozaru que saiu primeiro avança e tenta esmagar Suzako e Vegeta com um murro contra o chão.

Oozaru:
 

- N-N-Não é possível. São tantos! – Diz Vegeta, assombrado como Suzako viu os Metamorph ficarem na arena, como se a visão daqueles macacos gigantes fosse algo difícil de assimilar.

Avaliação:
 



Theri:


Kakaroto e sua família de humanos mostram-se contentes quando a guerreira promete ajudá-lo a recuperar seu filho, afinal, todos agora reconheciam o seu poder. Theri havia passado o resto daquele dia banhando-se nas águas refrescantes do rio, e esperado mais dois dias se passarem até Kakaroto estar completamente recuperado. Quando o faz, ele ao menos demonstra ter o sangue Saiyajin aumentando o seu poder de luta.

Theri aguardava enquanto Kakaroto se despedia de sua família, e logo depois os dois seguem viagem. O scouter da assassina e os poderes sensitivos do guerreiro eram o que os guiava em direção à trajetória do poder de luta que abateu Raditz, e assim, os dois se deixam levar a uma região desértica naquele continente, onde montanhas secas se erguem e vales de terra onde nada cresce dominam a paisagem.

- Consigo sentir a presença de um poder de luta alto nessa região, mas não consigo saber exatamente onde. – Kakaroto lamenta quando os dois pousam.

É neste instante que o scouter de Theri apita, detectando a presença de um poder de luta considerável de 6.000 em um monastério no horizonte ao norte, a alguns quilômetros de distância. No entanto, antes que pudesse avisar ao seu companheiro de viagem, Theri nota Kakaroto um pouco nervoso, e seu scouter apitando sem parar talvez seja o motivo.

No céu, um trio de animais voadores espreitava a dupla a uma altura considerável, mas quando esse trio com suas asas começa a baixar o vôo e diminuir a altura, Theri e Kakaroto logo percebem que eles não eram tão animalescos assim. Lembravam seres sauróides com asas e um bico largo cheio de presas, porém, estranhamente eles tinham uma compleição humana e demonstravam uma inteligência perversa e acima do normal enquanto se aproximavam num vôo rasante. Theri e Kakaroto não custam muito a notar sua intenção hostil.

Evo Pteros:
 


Iniciativa:

1° Theri: Raciocínio 5 + Prontidão 4 + 1D (10) = 19
2° Kakaroto: Raciocínio + Prontidão + 1D = 9
3° Evo Pterodactlos: Raciocínio + Prontidão + 1D = 8  

Avaliação:
 




Dirac Baldric:


Ao ver as gigantescas muralhas da cidade tomada pelos trolls, Dirac Baldric não se intimida e ordena que seu novo escravo continue a levá-lo aos responsáveis por plantar a Árvore do Poder. Estando invisível, o Tsufurujin se sentia plenamente confortável para seguir a criatura sem ser visto por aqueles no topo.

Os grandes portões são abertos para a criatura que Dirac controlava, permitindo a ele finalmente contemplar o interior daquela cidade. Não é algo bonito de se ver. Foco de chamas em alguns pontos, casas destruídas, corpos espalhados... Aqueles Trolls haviam feito uma verdadeira pilhagem naquele lugar.

Nem bem havia cruzado o portão, uma leva de dez Trolls se aproxima daquele que estava sendo controlado. Eles estavam por todos os cantos daquela cidade, e estes que se aproximaram pareciam interpelar o servo de Dirac sobre o que havia acontecido para ele estar retornando sozinho.

Trolls: Percepção + Prontidão (Dif: 6) = 4 sucessos.

As criaturas que se aproximaram começam a farejar o ar, e embora não pudessem ver Dirac Baldric, suas pegadas sobre solo encoberto pelas cinzas do planeta chamam a atenção. Os Trolls começam a gritar entre si em sua linguagem, e um deles ordena que aquilo seja averiguado. O que Dirac fará agora que estava por um fio de ser descoberto?

Avaliação:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com
art015

avatar

Mensagens : 61
Data de inscrição : 09/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Sab Jun 30, 2018 1:15 pm

Logo entramos na cidade, não era uma saida facil, mas convenhamos, podem ser fracos, mas são muitos, então não vamos abusar de nossa, hmmm entrada discreta, era claro que o lugar havia sido pilhado, corpos espalhados pelas ruinas fumegantes iluminadas por focos isolados de insendio, tipico anbiente de cidade no lugar errado na hora errada, ou não, não é caracteristuca de dominio deixar tanta marca para traz e os corpos largados assim, estão apenas de passagem, muitos mortos pela vontade de poucos, olhe isso, agora multiplique pelo universo, que guerra vale mais, conquistar os que não podem se defender ou comprar guerra contra esses seres, esses "freezas" por ai?



Tem muitos desses por ai, declarar guerra contra eles é como declarar guerra contra os filhos malditos da criação, não é uma tarefa fácil, mas vamos ter que ter força o suficiente para bater mesmo nos deuses, pois gente que faz isso, nunca enfrentou terror de verdade, vamos... Mudar isso...



As criaturas rosnam e urram, eles me notaram aqui, traído pelas pegadas? Huhuhu o equivoco, oras vamos ver o que fazemos...



Mortos...Mortos, algo que saiu do chão, de lá. alem das muralhas, diga para eles...



Era uma ordem simples, aos ouvidos peço para a criatura dar uma direção alem das muralhas oposta a que viemos.



Off: Queimar ki para levitar do chão e me esconder dos curiosos de maneira discreta, pedir para ele seguir a direção do mandante se conseguir despistar eles.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
DragonHearth

avatar

Mensagens : 58
Data de inscrição : 05/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Sab Jun 30, 2018 1:35 pm

Surpreendo-me com a velocidade dele, mas ao invés de tristeza fico feliz e empolgado com essa luta. Ele é rápido, se move bem então tenho que ser mais rápido ainda, porém me recuso a tirar os pesos, tenho que analisar bem a situação.

As mulheres estão gritando, me pergunto era pra isso que eu lutava? Será que era capaz de fazer algo? Meu pai e mãe confiavam em mim será que eu poderia ser capaz de deixa-los felizes? Agate me deu um sinal de boa sorte...

Eu não tinha tempo para pensar e conversava com o guardião:

_Mas, eu quero saber... só tinha três perguntas queria saber sobre o Kami Sama e onde fica a floresta sagrada e sobre quem era o lider aqui, mas elas começaram uma gritaria louca... bom você é forte, mas não é o mais forte daqui, luta bem e com firmeza gostei disso, por isso vou lutar serio, creio que você mereça isso.

Deixo ele me acertar, estávamos juntos em velocidade, então agarro-o dou dois socos o pegando sem defesa e para completar um Hellblaze a queima roupa.

off: fdv para agarrar e fdv para o hellblaze.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com/t64-helena-dragonhearth
Tony.Saiyan

avatar

Mensagens : 60
Data de inscrição : 07/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Dom Jul 01, 2018 10:02 am

Juntos emanamos nossos Kis... A pressão era enorme e lança a terra para longe, nos permitindo voar e não ser preso novamente...

Ouço Vegeta elogiar a minha estrategia... Apenas aceno com a cabeça...

Sou treinado pelo Maior Guerreiro do mundo... É minha obrigação superar todas as barreiras...

Seguimos voando pelo deserto... Até que ele avista uma floresta...

Sim... Será melhor até entendermos onde estamos e qual o proposito desse lugar...

E nos dirigimos para lá...

Quais seriam os planos desse Deus Yamoshi... Mas se isso me tornar ainda mais forte... Poderei enguer o punho dos Saiyajins como Raça Suprema...

Não tivemos muito tempo desde que chegamos para nos prepararmos... Mas sei que Yubelluna está dando o seu melhor lá também...

Se realmente encontrarmos esse Deus... Seria interessante pedir a Vegeta que concedesse a Yubelluna o titulo de Kami-Sama... O guerreiro que derrotei informou um Kami-sama desse mundo... E com isso eles ganharam o apoio dos Deuses... Nós teríamos o nosso apoio...

Vejo o Príncipe Vegeta voando... Sua expressão oscila entre uma fúria e uma preocupação... Estamos seguindo seu sonho... Confiantes de que isso nos ajudará a tornar a Raça Saiyajin ainda mais forte...

Entramos na floresta...

Estarei a frente... Assim, qualquer perigo que apareça poderei impedir que lhe ameace

Assim como o deserto, ela era seca e escura... Nos movemos devagar, mas sem saber o que nos aguarda e nossos scouters sem funcionar, nos vemos cercados por olhos na escuridão...

Algo a frente ruge...

Bestas... Iremos dizima-las....

Mas então um dos pares de olhos sai das sombras... Eu havia sentido a fúria transbordar pelo meu corpo ao me tornar aquilo... Tinha deixado toda a fúria percorrer o meu corpo e tomar o controle para que pudêssemos esmagar os nossos adversários... Tinha ouvido as sacerdotisas falarem do terror nos olhos dos Metamorths... Só não compreendia isso até aquele momento em que um Oozaru surgia a minha frente...

Oozarus?? Onde diabos viemos parar...

Sentia todo meu corpo enrijecer ao lembrar da fúria que percorria o meu corpo... E ao perceber toda essa fúria refletida nos olhos do Oozaru a frente... Cerro os dentes e forço meu corpo a me obedecer...

Iria desviar do golpe e se possível tiraria Vegeta do caminho caso ele não se movesse... Diante de ver a sua própria especie lhe ameaçar...

Teste de FdV e esquivar, caso passe com fé em Yamoshi se possível teste para tirar vegeta da frente caso ele perca.

_________________
Suzako - The Mercilles

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Theri

avatar

Mensagens : 58
Data de inscrição : 05/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Dom Jul 01, 2018 1:04 pm

Depois de dois longos dias Kakaroto dá adeus a sua família de idiotas e a gente parte na busca do filhinho dele. Não me interessava o garoto não iria mudar nada pra mim se estivesse morto, eu só queria conhecer os guerreiros com aquele poder. Mas uma coisa estranha acontece meu rastreador devia estar quebrado.

- Não é possível. Seis mil? É só isso que esse guerreiro tem? Eu não deveria ter perdido meu tempo!

Enquanto eu rastreava o inimigo aves idiotas começam a se aproximar pelo alto. Pareciam os sauróides que enfrentei na arena mas esses tinham asas. Impressão minha ou td nesse planeta era uma completa perda de tempo?

- Esse lugar só pode ser o inferno. Não tem ninguém interessante pra se eenfrentar em td esse planeta?

Voo na direção daqueles três. Iria dar seis ataques, dois em cada um. Uma joelhada na barriga e uma cotovelada nas costas do primeiro. Dois socos bem no meio da cada do segundo e um chute lateral e outro pra baixo no terceiro.

Off: 5 pontos de energia.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 441
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Seg Jul 02, 2018 11:11 am

Dirac Baldric:


O Tsufurrujin estava a um passo de ser descoberto, as criaturas se mostravam bravias ao perceberem alguns traços de sua presença, e começam a caminhar em sua direção, gesticulando umas para as outras enquanto inquiriam o troll que estava controlado.

Trolls: Percepção + Prontidão (Dif: 7) = Nenhum sucesso.

No momento certo, o guerreiro levita e se afasta da posição em que estava. Os trolls cismados saltam naquele ponto e começam a atacar a esmo, desistindo apenas quando notam que não tinham encontrado nada. Seus faros perseguem o cheiro do Tsufurujin, mas não conseguem localizar sua direção.

Frustrados, os trolls começam a fazer indagações e acusações àquele que estava controlado, suspeitando tanto da ausência daqueles que haviam partido com ele quanto ao fato de que sentiam uma presença estranha junto a ele. O troll não poderia se mover, precisava dar uma explicação satisfatória a seus companheiros para não ser destruído.

Avaliação:
 


Oregan:


Mesmo reconhecendo a velocidade superior do oponente, Oregan recusa-se a retirar os pesos que limitavam seu movimento. Aquela luta poderia se tornar perigosa, mas ele teria um ganho muito maior se os mantivesse. Quando o garoto vê o inimigo se aproximar para atacá-lo, ele sorri feliz com a intensidade da batalha.

Guardião ataca: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 47 sucessos.
Oregan agarra: Destreza 9 x5 + Briga 5 (+3D) (Dif: 6) = 25 sucessos.
Guardião dano (Força x5 +5) = 45 sucessos.

Oregan ataca: Destreza 9 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 40 sucessos.
Guardião: Força + Briga (Dif: 6) = 48 sucessos.
Oregan (Dano: Força 10 x5) = 30 sucessos.

Oregan ataca: Destreza 9 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 37 sucessos.
Guardião ataca: Destreza + Briga (Dif: 6) = 30 sucessos.
Oregan (Dano: Força 10 x5) = 25 sucessos.

Oregan usa Hellblazer: Energia 18 + Rajada 2 (+3D) x5 (Dif: 6) = 53 sucessos.
Guardião usa Slash Callibur: Energia + Rajada x5 (Dif: 6) = 68 sucessos.

A luta se torna mais tensa a cada golpe trocado, deixando angustiadas aquelas mulheres que torciam pelo seu protetor. Enquanto Guardião atacava, Oregan tenta uma manobra arriscada. O machado do oponente rasga-lhe a roupa e o peito, criando uma profunda ferida no tórax do Saiyajin, mas o guerreiro aproveitava a abertura para agarrar Guardião.

Oregan então acerta-lhe um soco sem que ele pudesse se defender, mas após sentir o impacto, Guardião aproveita o momento para escapar, afastando o garoto ao mover seus braços. Em seguida, os dois avançam para um ataque simultâneo, onde o Saiyajin leva a melhor quando seu punho se mostra mais rígido que o fio do machado.

Por último, Oregan concentra mais um Hellblazer em suas mãos, enquanto Guardião imbui o fio do machado com uma grande quantidade de seu Ki. Os dois lançam suas rajadas, que por algum tempo parece se equilibrar, até o Slash Callibur de Guardião dividir o Hellblazer de Oregan ao meio e atingir o garoto em cheio, lançando-o de costas contra uma das árvores.

- Sinta-se feliz, garoto. Este planeta será o seu túmulo, e isso é mais do que você merece. – Diz o Guardião com seus braços cruzados, observando a queda de Oregan. – Se quer mesmo saber, aqui existe sim um Kami-Sama, mas ele não vai orar pela sua alma. Levante-se!!!


Iniciativa:

1° Oregan: Raciocínio 4 + Prontidão 4 + 1D (6) = 14
2° Guardião: Raciocínio + Prontidão + 1D = 12


Status:
 

Avaliação:
 


Suzako:


Tantos olhos gigantes e furiosos sobre si era uma visão preocupante, mas ver todos aqueles Oozaru saindo da mata... Isso beirava o perturbador, mexia com as mentes dos Saiyajins. A criatura furiosa e cheia de cicatrizes se aproxima, e incitada pelos gritos de seus iguais ergue seus braços e tenta esmagar Vegeta e Suzako com um murro.

Oozaru Rei ataca: Destreza + Briga (Dif: 6) = 63 sucessos.
Vegeta: Força de Vontade ?? (Dif: 6) = 6 sucessos.
Suzako: Força de Vontade 5 (Dif: 6) = 3 sucessos.
Vegeta desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 41 sucessos.
Suzako desvia: Destreza 16 x5 + Esquiva (Dif: 6) = 21 sucessos.
Oozaru Rei (Dano: Força x10) = 40 sucessos.

Lutar na forma Oozaru era um prazer sem igual, mas lutar contra um Oozaru era o pior pesadelo que um Saiyajin poderia imaginar. Agora Suzako e Vegeta conheciam o terror que seus inimigos sentiram no passado. Mas guerreiros experientes que eram, os dois conseguem libertar-se deste medo temporário e reagir.

A criatura, apesar de grande e volumosa era extremamente rápida, e seus punhos enormes literalmente esmagam os dois Saiyajins contra o solo. Os outros Oozaru em volta ficam extasiados com a superioridade de seu rei, pulando, urrando e fazendo o solo estremecer com toda aquela algazarra.

- Rrrrg, quem esses macacos idiotas pensam que são? – Vegeta se mostra furioso, erguendo-se da cratera em que Suzako e ele foram soterrados.

Os Oozaru queriam o sangue daqueles que invadiram seu território, instigavam seu rei a matá-los. Os Saiyajins precisavam se defender, então começam a se erguer para lutar. Mas antes que tomassem qualquer atitude hostil, uma voz trovejante e divina lhes vem à mente.

- Quem tipo de Saiyajins vocês são que não conseguem falar com seus próprios irmãos? – Indaga esta voz. – Vegeta, seu sangue nobre se tornou ralo? Suzako, por acaso já se esqueceu de que assim como eles há uma cauda enrolada em sua cintura?

O Oozaru Rei novamente se aproxima, desta vez tentando esmagar os dois Saiyajins com seu pé...

Status:
 

Avaliação:
 


Theri:


A assassina Saiyajin se mostra furiosa diante da frustração de não conseguir encontrar um desafio a altura naquele planeta, sua ira quase passa dos limites, deixando Kakaroto um tanto espantado. Neste exato momento, três criaturas de origem sauróide surgem voando em direção aos dois e Theri aceita o desafio como se quisesse descontar neles a sua raiva.

Theri ataca: Destreza 13 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 49 sucessos.
Evo Pterodactilo 1: Destreza + Briga (Dif: 6) = 26 sucessos.
Theri (Dano: Força 13 x5) = 50 sucessos.

Theri ataca: Destreza 13 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 28 sucessos.
Evo Pterodactilo 1: Destreza + Briga (Dif: 6) = 27 sucessos.
Theri (Dano: Força 13 x5) = 40 sucessos.

Theri ataca: Destreza 13 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 21 sucessos.
Evo Pterodactilo 2: Destreza + Briga (Dif: 6) = 23 sucessos.

Theri ataca: Destreza 13 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 28 sucessos.
Evo Pterodactilo 2: Destreza + Briga (Dif: 6) = 24 sucessos.
Theri (Dano: Força 13 x5) = 30 sucessos.

Theri ataca: Destreza 13 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 43 sucessos.
Evo Pterodactilo 3: Destreza + Briga (Dif: 6) = 15 sucessos.
Theri (Dano: Força 13 x5) = 45 sucessos.

Theri ataca: Destreza 13 x5 + Briga 5 (Dif: 6) = 43 sucessos.
Evo Pterodactilo 3: Destreza + Briga (Dif: 6) = 10 sucessos.
Theri (Dano: Força 13 x5) = 35 sucessos.

A joelhada de Theri acerta com força o estômago da criatura, fazendo com que vomitasse seu próprio sangue, e em seguida sua cotovelada a lança contra o solo. Contra o segundo, Theri erra um dos socos, mas o segundo atinge o bico da criatura, lhe quebrando algumas das presas. No último, Theri esmaga as costelas do inimigo com um chute lateral, e depois o lança também em direção ao solo com um chute nas costas.

Kakaroto ataca: Destreza + Briga (Dif: 6) = 21 sucessos.
Evo Pterodactilo 1: Destreza + Briga (Dif: 6) = 15 sucessos.
Kakaroto (Força x5) = 10 sucessos.

Kakaroto ataca: Destreza + Briga (Dif: 6) = 24 sucessos.
Evo Pterodactilo 2: Destreza + Briga (Dif: 6) = 17 sucessos.
Kakaroto (Força x5) = 15 sucessos.

Kakaroto ataca: Destreza + Briga (Dif: 6) = 14 sucessos.
Evo Pterodactilo 3: Destreza + Briga (Dif: 6) = 46 sucessos.

Enquanto a primeira criatura é lançada contra o solo, Kakaroto a chuta para ainda mais longe no meio de sua queda. Em seguida ele voa com velocidade na direção do segundo inimigo e o surpreende com um gancho. Por último, ele desce na direção do terceiro inimigo com seu pé esticado, mas a criatura se lança para o lado a tempo de escapar do golpe, e tudo que Kakaroto consegue é criar um buraco no solo.

- Theri, tem algo de errado acontecendo. Os dinossauros dessa região eram criaturas selvagens e sem intelecto. Agora eles se tornaram guerreiros poderosos... Eles evoluíram. – Kakaroto alerta sua companheira.


Iniciativa:

1° Kakaroto: Raciocínio + Prontidão + 1D = 13
2° Evo Pterodactlos: Raciocínio + Prontidão + 1D = 12
3° Theri: Raciocínio 5 + Prontidão 4 + 1D (2) = 11

Status:
 


Avaliação:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com
DragonHearth

avatar

Mensagens : 58
Data de inscrição : 05/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Seg Jul 02, 2018 4:46 pm

Sou jogado longe, isso era desagradável, mas ao mesmo tempo isso me deixava mais louco pelo combate, o que estava acontecendo comigo? Levanto-me e limpo a boca, o gosto de sangue era até interessante, mas o que iria provar era o dele.

Começo a rir enquanto me ajeito:

_Então é isso... essa a maneira de vida de um saiyajin... obrigado por me ajudar, então vou retribuir o favor. Não creio que você seja mal, mas é um adversário, como estou gostando dessa luta é hora de aumentar o ritmo, em meus 15 anos é o primeiro a me deixar assim com vontade de lutar.

Bato nas roupas para limpar a poeira e vou em direção a ele voando, quando me aproximo uso uma finta para aparecer nas costas dele dar um soco e soltar um Hellblaze.

_Então essa é a floresta sagrada?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com/t64-helena-dragonhearth
Tony.Saiyan

avatar

Mensagens : 60
Data de inscrição : 07/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Ter Jul 03, 2018 10:12 am

Sabia que a forma Oozaru tornava nós os Saiyajins mais fortes... Porem eu já havia superado em muito os limites de um Saiyajin... Mas ao tentar me esquivar do golpe, vejo que o Oozaru a nossa frente era muito mais rápido e mais forte...

Seu punho nos atinge nos cravando na terra... Me ergo... Vejo as criaturas a nossa volta clamarem por sangue... Passo o punho sobre meu lábio...

Desgraçados... Quem diria que existiriam Oozarus tão fortes assim...

Aperto o punho e quando penso em investir... Ouço uma voz a minha mente... Inconscientemente eu reconheço essa voz, apesar de nunca a ouvir, como Yamoshi...

Yamoshi... Deus dos Saiyajins... Vou lhe mostrar o poder que reside nos Saiyajins...

Flexiono os punhos... Voo me igualando a altura do Oozaru... Deixo minha cauda desenrolada...
Me recordo de tudo que passei para adquirir esse poder que emana de mim... Poder que conquistei sozinho... Apenas com meu punho e meu sangue...

Esse é o poder que flui do Sangue Saiyajin...

Iria emanar meu poder de forma crescente... Fazendo explosões de Ki a minha volta...

Eu sou Suzako... The Mercilles... Espada do Príncipe Vegeta... Não serei desafiado por Oozarus...

As lutas incessantes em Spartaccus... A fuga do planeta... As historias contatas por Nappa e Yubelluna sobre nosso planeta... A risada dos Metamorths nos vendo sangrar... O sorriso por trás soldados que abusavam das Sacerdotisas... O olhar de Icer desprezando a nossa raça...

Ahhhhhrrrrr

Iria me recordar de toda a fúria que sentia armazenado em meu peito... Sabia que era essa fúria que me tornaria ainda mais forte... Era a ela que os Saiyajins respeitam... Explodiria meu Ki de forma absoluta, queimando ele para fazer a minha energia fluir ainda mais forte...

HAAAAAAAAAAAAAA!!

Expandindo meu corpo à frente do Oozaru e iria rugir a sua frente... Demonstrando a fúria Oozaru que reside em meu peito, mesmo que esteja na forma guerreira...

GRRRRRRRRRRR "Considere isso um rugido viu kkk"

Iria com meu Ki força-lo a se curvar a mim... Emanando meu Ki em explosões fortes...

Gasto FdV para rugido ou emanação de poder o que for mais efetivo em submete-lo

_________________
Suzako - The Mercilles

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
art015

avatar

Mensagens : 61
Data de inscrição : 09/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Ter Jul 03, 2018 2:35 pm

Depois de um tempo procurando eles desistem, não há nada aqui, huhuhu um pouco diferente do que faríamos em outra ocasião ou com nossos antigos companheiros (me pergunto o que andam matando agora), entraríamos chutando pela porta da frente mas veja quantos são, hmmm não podemos gastar tanta energia assim e esperar alguma chance contra alguém que anda consumindo esses frutos, energia de um planeta inteiro pode não ser anos de treino mas é energia o suficiente para ser considerada em quantidades massivas como essa...



Espero seguir mas vejo que essas criaturas interrogando nosso novo colega, oras isso foi um pouco inesperado, baah esperando socar algo logo e agente aqui se escondendo, huh o que não fazemos para ter alguma vantagem mesmo que uma ilusão, bom hora de aprontar algo, mas o que...



Olho para o meio deles, hmm nada, mas se usam verbo então não possuem uma hive mind ao menos mental, hmm se fosse possível aprender a controlar mentes a distancia isso me pouparia um trabalho sem tamanho nessas horas, planos para depois, agora vamos nos preocupar com isto ou largar nosso encarregado, huh "nosso", teremos que arrumar outro...



Off: Planando ainda em um rápido movimento golpeio um dos que estão atrás dos que estão perguntando ele na barriga de mão aberta para lança-lo em direção ao muro.


Aproveito a confusão para sussurrar no ouvido dele para mandar ele seguir
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Theri

avatar

Mensagens : 58
Data de inscrição : 05/04/2017

MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   Qua Jul 04, 2018 1:51 pm

"humm eles são mais resistentes que aqueles robôs fracos"

Já era alguma coisa, Kakaroto tbm sofre pra vencer eles. Pelo menos um desafio msm que pequeno.

- Não importa. Eles são só vermes. Vamos acabar com isso e buscar seu filho.

Fico pensando se devia me preocupar com essa mudança deles. Não sei o que aconteceu pra mudarem assim mas não parecem ser tão fortes.

"Dane se"

Voo na direção do primeiro e ataco ele com uma cabeçada. O segundo eu dou um chute na cara e o terceiro um soco na barriga.

Off: 2 pontos de energia.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Dragon Ball Z   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Dragon Ball Z
Voltar ao Topo 
Página 2 de 4Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Paladinos da Justiça :: Jogos :: Arcos-
Ir para: