Aqui se morre herói, ou se vive tempo o bastante para se tornar vilão.
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Plano B - A Queda de Metrópolis

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 450
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Sex Jun 29, 2018 10:50 am

Comandante Greymorning, Imperador Dragão e Lady Nêmesis:


Justiceiro Solitário: Manipulação 3 + 5D (Dif: 3) = 3 sucessos.

Warzoon 1 atira: Destreza + Armas de Fogo (Dif: 6) = 1 sucesso.
Warzoon 2: Percepção + Prontidão (Dif: 8 ) = Nenhum sucesso.
Warzoon 1(Dano: 8 + 1D) = 8 sucessos.
Warzoon 2: (Absorção: 3D) = 1 sucesso.

Warzoon 1 atira: Destreza + Armas de Fogo (Dif: 6) = 4 sucessos.
Warzoon 3: Destreza + Esquiva (Dif: 8 ) = 3 sucessos.
Warzoon 1(Dano: 8 + 1D) = 11 sucessos.
Warzoon 3: (Absorção: 3D) = 2 sucessos.

Warzoon 1 atira: Destreza + Armas de Fogo (Dif: 6) = 3 sucessos.
Warzoon 4: Percepção + Prontidão (Dif: 8 ) = 4 sucessos.

Warzoon 1 atira: Destreza + Armas de Fogo (Dif: 6) = 5 sucessos.
Warzoon 5: Percepção + Prontidão (Dif: 8 ) = 2 sucessos.
Warzoon 1(Dano: 8 + 1D) = 9 sucessos.
Warzoon 5: (Absorção: 3D) = 2 sucessos.

Warzoon 1 atira: Destreza + Armas de Fogo (Dif: 6) = 4 sucessos.
Warzoon 6: Percepção + Prontidão (Dif: 8 ) = 3 sucessos.
Warzoon 1(Dano: 8 + 1D) = 10 sucessos.
Warzoon 6: (Absorção: 3D) = 1 sucesso.

O Justiceiro Solitário mantém a sua estratégia de controlar a mente de um Warzoon para atacar a vários. Seus poderes mentais são tão avançados que M’Kai sequer precisa se esforçar para controlar aquelas mentes tão primitivas. A criatura dispara seu blaster enlouquecida, como se estivesse abatendo inimigos. Apenas um consegue desviar, os outros são alvejados com facilidade.


Psylocke usa Eye Rake: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 5 sucessos.
Warzoon 2 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 6 sucessos.

Psylocke usa Overhead Punch: Destreza + Armas Brancas (Dif: 6) = 8 sucessos.
Warzoon 3 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 4 sucessos.
Psylocke (Dano: Força + 5 + 1/ Força + 5 + 1) = 8 sucessos/8 sucessos.
Warzoon 3 (Absorção: 3D/3D) = 2 sucessos/Nenhum sucesso.

Psylocke usa Eagle Claw Striker: Destreza + Armas Brancas (Dif: 3) = 7 sucessos.
Warzoon 4 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 3 sucessos.
Psylocke (Dano: Força + 5) = 8 sucessos
Warzoon 4 (Absorção: 3D/3D) = 3 sucessos.

Mesmo com a ferida queimando-lhe as costas, Psylocke não abdica do novo combate. Seu primeiro golpe falha em atingir o inimigo, mas no segundo sua lâmina psíquica é cravada no peito do Warzoon 3, matando a criatura. No terceiro ataque, ela atinge com facilidade o Warzoon 4, mas a criatura permanece inteira.

Ayla havia reparado no quanto a invasão começava a abalar seus companheiros, mas embora não fosse das mais sociáveis, ela entende a necessidade de reanimá-los. Se aquilo era o inferno, estava apenas começando. Se eles quisessem proteger o que restou de Metrópolis, era preciso continuar lutando e lutando.

Lady Nêmesis usa Investida Kryptoniana: Destreza 4 x5 + Briga 4 (Dif: 6) = 17 sucessos.
Warzoon 10 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = Nenhum sucesso.
Lady Nêmesis (Dano: Força 5 x5) = 15 sucessos.
Warzoon 10: (Absorção: 3D) = 4 sucessos.

Nada melhor do que o exemplo para motivar seus aliados. Apesar de esgotada, Ayla avança contra o Warzoon 10 e lhe aplica um gancho poderoso. Mesmo o traje do inimigo tendo absorvido bem, o alienígena acaba caindo vulnerável e bastante ferido.


Superboy ataca: Destreza + Briga (Dif: 6) = 6 sucessos.
Warzoon 7 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 2 sucessos.
Superboy: (Dano: Força) = 7 sucessos.
Warzoon 7: (Absorção: 3D) = 2 sucessos.

Superboy ataca: Destreza + Briga (Dif: 6) = 7 sucessos.
Warzoon 7 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 3 sucessos.
Superboy: (Dano: Força) = 8 sucessos.
Warzoon 7: (Absorção: 3D) = 2 sucessos.

Superboy ataca: Destreza + Briga (Dif: 6) = 5 sucessos.
Warzoon 7 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 3 sucessos.
Superboy: (Dano: Força) = 7 sucessos.
Warzoon 7: (Absorção: 3D) = 2 sucessos.

Superboy ataca: Destreza + Briga (Dif: 6) = 5 sucessos.
Warzoon 7 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 6 sucessos.

Irritado como sempre, o Superboy parte para cima de um dos Warzoon em uma luta franca. Com três socos, ele deixa a criatura bastante debilitada, mas naquele que parecia ser o golpe derradeiro, o Warzoon 7 gira o corpo para o lado e desvia.


Aos poucos, Greymorning começava a ver Metrópolis se transformar em seu mundo. Ele estaria falhando em sua missão? Não sem lutar. Vendo Justiceiro Solitário usar sua mente para controlar aquelas criaturas, o mutante tenta fazer o mesmo. Porém, acaba frustrado ao perceber que seus poderes mentais ainda não alcançaram tal nível.

Canhão Elétrico ataca: Destreza (Dif: 6) = 2 sucessos.
Warzoon 8 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 4 sucessos.

O canhão criado por Greymorning agora possuía propriedades automáticas, e ao travar sua mira em uma daquelas criaturas, realiza por si só um disparo. Porém, Warzoons eram seres de capacidades sobre humanas, e o alvo desvia com facilidade, voando para o lado com seu jetpeck.


Baran talvez tivesse notado algo de grande importância na estratégia do inimigo. Eles não estavam ali para oferecer uma grande batalha, mas para conquistar através de seus números. Mesmo um guerreiro de seu nível precisava olhar para tal situação com o devido cuidado, pois nem Baran ou seus companheiros se viam inteiros para continuar aquela batalha por muito mais tempo.

Imperador Dragão ataca: Destreza 4 x5 + Armas Brancas 5 (+1D) (Dif: 6) = 12 sucessos.
Warzoon 9 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 2 sucessos.
Imperador Dragão (Dano: Força 5 x5 +9) = 19 sucessos.
Warzoon 9 (Absorção: 3D) = 3 sucessos.

Baran escolhe um alvo e maneja sua espada de maneira a arremessá-la, segurando Drakaris como se fosse uma lança. O golpe é perfeito, de modo que a lâmina crava no corpo do inimigo até o cabo. O Warzoon fica severamente ferido, enquanto a fiel espada retorna para as mãos do guerreiro.


Iniciativa:

1° Justiceiro Solitário: Raciocínio + Prontidão + 1D = 26
2° Superboy: Raciocínio + Prontidão + 1D = 14
3° Warzoon: Raciocínio + Prontidão + 1D = 13
4° Psylocke: Raciocínio + Prontidão + 1D = 12
4° Lady Nêmesis: Raciocínio 3 + Prontidão 3 + 1D (6) = 12
5° Comandante Greymorning: Raciocínio 3 + Prontidão 1 + 1D (6) = 10
5° Imperador Dragão: Raciocínio 3 + Prontidão 3 + 1D (4) = 10


Status:
 





Sagnac-28-b:



Ao adentrar Vetra, Sagnac chega a sua cabine e vê o clone que deixara lá dar-lhe espaço para que se sentasse. O coluano ocupa a sua cadeira e delibera sobre procedimentos padrões para que não se tornasse um alvo naquele mundo, dando pequenas ordens que Vetra acata sem questionar.

Pela janela da nave, o coluano avista milhares daquelas criaturas descendo em uma torrente infernal do céu negro e passando por Vetra sem incomodá-los, com certeza indo na direção de Kara-Zor-El. Porém, embora as criaturas não ataquem diretamente a nave, um daqueles canhões laser rasgam o céu negro mais uma vez, caindo bem ao lado de Vetra e atingindo parte da estrutura da nave.

- Senhor, estamos sob ataque. Meus sensores detectam fortes ondas de calor vindo em nossa direção. Sugiro que assuma os controles imediatamente. – Vetra informa.

O raio não havia comprometido o vôo de Vetra, apenas a desestabilizou um pouco, mas um novo raio desce bem a frente, atingindo o solo gelado da Antártida e erguendo um pequeno nevoeiro. Era preciso desviar dele o quanto antes, o mínimo contato poderia significar a destruição total da espaçonave.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com
art016

avatar

Mensagens : 28
Data de inscrição : 09/04/2017

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Sex Jun 29, 2018 12:06 pm

Havíamos escapado do impacto inicial da invasão, mas ainda não era uma fuga completa, anunciado pelos disparos de alem da orbita sabíamos que eramos alvos ainda, ativar velocidade de cruzeiro seria desastroso para a cidade quando aparecemos lá, então vamos ter um pouco mais de emoção que e o necessário, ao menos é apenas de energia, se usassem projeteis balísticos esse lugar seria uma cratera e nada mais, por sorte eles também precisam do planeta, Veetra pede para que eu pilote, vamos ver como ela manobra ainda depois desse tempo todo...



Intervenção direta é necessária, assumindo controle...



Pilotar uma nave dessas não possui comparativos ou paralelos, cruzar distancias impossíveis, e manobrar de maneira precisa, como um cruzador podendo voar como um caça, em comparativos humanos, obvio que ela tem seus limites, mas agora eramos como formigas fugindo do raio de calor de uma lente de aumento, manobrar a essa distancia do ponto de disparo seria difícil para nós e fácil para eles corrigirem, iria precisar de algo a mais, limites não iriam colocar nossa existência em risco agora.



Off: Pilotar Veetra e desviar dos tiros, gastar 1 ponto de força de vontade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nemesis.

avatar

Mensagens : 111
Data de inscrição : 07/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Dom Jul 01, 2018 12:41 pm

Eu estava tão cansada que não consigo nem matar meu inimigo. Vejo ele no chão e me aproximo devagar respirando com dificuldade e com mta raiva.

- Não sei de onde vcs vieram mas vcs não vão vencer. A terra tem protetores.

Iria chutar o caído pra longe. Queria ter forças pra atacar mais deles mas não tenho, então só posso contar com os outros. Eles estavam indo bem apesar de não conseguirmos ser tão rápidos como antes.

- Não inventem, acabem logo com essas pragas!

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Tony.B

avatar

Mensagens : 106
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Seg Jul 02, 2018 3:40 pm

As criaturas continuavam a vir... Já estava ficando cansativo... Mesmo sendo um Deus, não poderia lutar o dia inteiro contra um exercito sem enfrentar o seu líder...

A minha lamina atravessa a criatura mas não a mata... Vejo meus companheiros dando tudo de si e as atacando também...

Lembro que meus relâmpagos haviam lhe destruído mais facilmente antes...

Eu preferiria uma batalha direta contra alguém capaz de me fazer sangrar... Mas vcs insistem em enviar esses soldados inúteis...

Queimo o meu corpo... Abandonando a forma humana e abrindo as minhas asas... Ergo a minha lamina para o céu... E convoco os relâmpagos...

Tremam diante do relâmpago do Deus dos Dragões...

Iria controlá-los para que girassem a nossa volta, evitando que as criaturas se aproximassem de nós...

Isso irá nos ganhar tempo... Quanto antes chegarmos nessa fortaleza que os antigos protetores usavam, mas rápido irei enfrentar o verdadeiro líder desse exercito...

Fazer a tempestade correr onde os Warzzons estão voando... Fazendo eles serem envoltos por ela, criando uma tempestade a nossa volta...

_________________
Fala
Pensamento
Ação

Baran - Imperador Dragão

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
leesiuloong

avatar

Mensagens : 102
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Sab Jul 14, 2018 6:49 pm

Empolgado vou acima de minhas próprias habilidades, mas instrui Psylock para fazer o mesmo que tentei.

A luta seria cansativa, mas já que não poderia controlar a mente deles, poderia controlar o jetpack deles, iria controlar um e fazer com que ele voasse em direção a outro. Não deixaria ele sossegado e fazer um estrago nessa formação.

_Avisem seu mestre que a Terra não será corrompida. - brado enquanto os destruo.

_________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com/t32-comandante-greymorn
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 450
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Dom Jul 15, 2018 10:00 pm

Lady Nêmesis, Imperador Dragão e Comandante Summers:


Justiceiro Solitário: Manipulação 3 + 5D (Dif: 3) = 9 sucessos.

Warzoon 2 atira: Destreza + Armas de Fogo (Dif: 6) = 4 sucessos.
Warzoon 1: Percepção + Prontidão (Dif: 8 ) = 1 sucesso.
Warzoon 2(Dano: 8 + 4D) = 11 sucessos.
Warzoon 1: (Absorção: 3D) = 1 sucesso.

Warzoon 2 atira: Destreza + Armas de Fogo (Dif: 6) = 2 sucessos.
Warzoon 4: Destreza + Esquiva (Dif: 8 ) = Falha Crítica
Warzoon 1(Dano: 8 + 2D) = 10 sucessos.
Warzoon 4: (Absorção: 3D) = 2 sucessos.

Warzoon 2: atira: Destreza + Armas de Fogo (Dif: 6) = 1 sucesso.
Warzoon 5: Percepção + Prontidão (Dif: 8 ) = 4 sucessos.

Warzoon 2: atira: Destreza + Armas de Fogo (Dif: 6) = 4 sucessos.
Warzoon 6: Destreza + Esquiva (Dif: 8 ) = 1 sucesso
Warzoon 1(Dano: 8 + 3D) = 8 sucessos.
Warzoon 6: (Absorção: 3D) = 3 sucessos.

Warzoon 2: atira: Destreza + Armas de Fogo (Dif: 6) = 1 sucesso.
Warzoon 7: Destreza + Esquiva (Dif: 8 ) = 3 sucessos.

M’Kai novamente controla a mente de um dos inimigos, usando a mente dele como um jogo para alvejar vários adversários ao mesmo tempo. O primeiro, quarto e sexto Warzoons sequer notam que um de seus companheiros foi dominado, e acabam atingidos nas costas, vindo a ficar perigosamente feridos com os disparos. O quarto e o sétimo, mais atentos, rolam para os lados e escapam dos tiros.


Superboy ataca: Destreza + Briga (Dif: 6) = 7 sucessos.
Warzoon 7 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 2 sucessos.
Superboy: (Dano: Força) = 6 sucessos.
Warzoon 7: (Absorção: 3D) = 1 sucesso.

O sétimo Warzoon havia acabado de escapar do fogo amigo, mas não demonstra agilidade o bastante para escapar do soco do Superboy. A criatura é atingida em cheio, com a força de uma explosão em sua cabeça e cai do caminhão desmaiada, rolando pela pista até ficar completamente para trás.


Warzoon 8 atira: Destreza + Arma de Fogo (Dif: 6) = 4 sucessos.
Superboy: Sem ação.
Warzoon 8 (Dano: 8 + 4D) = 9 sucessos.

Warzoon 9 atira: Destreza + Arma de Fogo (Dif: 6) = 4 sucessos.
Comandante Summers: Sem ação.
Warzoon 9 (Dano: 8 + 4D) = 10 sucessos.
Comandante Summers (Absorção: 4D) = 3 sucessos.

Os Warzoon um pouco mais atentos que ainda não haviam sido atacados pelo grupo finalmente conseguem erguer suas armas e atirar. O primeiro alvo fora Superboy, que distraído, acabou levando um doloroso tiro nas costas. O segundo fora o Comandante Summers, sendo atingindo no lado direito do peito pelo feixe de calor da arma do inimigo que a sua armadura de vibranium não absorvia tão bem.


Psylocke usa Snake Punch: Destreza + Armas Brancas (Dif: 3) = 8 sucessos.
Warzoon 4 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = 3 sucessos.
Psylocke (Dano: Força + 5 + 4) = 10 sucessos
Warzoon 4 (Absorção: 3D) = 1 sucessos.

O quarto Warzoon ainda estava desnorteado e surpreso com o fogo amigo, o tiro que recebeu na perna vindo do próprio aliado. Mal tem tempo para reagir quando Psylocke se aproxima, e com a lâmina telecinética em sua mão atravessa a cabeça da criatura sem a menor piedade, derramando seu sangue viscoso e a matando na hora.


Ofegante, Ayla caminha em direção ao seu inimigo, que desajeitadamente tentava se reerguer após a queda que a kryptoniana lhe impôs. Ayla lança mais um aviso para aqueles seres, e com seu pé, tenta dar um golpe de misericórdia no Warzoon.

Lady Nêmesis ataca: Destreza 4 x5 + Briga 4 (Dif: 6) = 12 sucessos.
Warzoon 10: Sem ação.
Lady Nêmesis (Dano: Força 5 x5) = 15 sucessos.

A criatura se levanta, mas estava ferida demais para ser chamada de adversário. Ayla lhe acerta um chute tão forte no estômago que o corpo do Warzoon é arremessa contra um prédio, destruindo parte da estrutura e empalando aquele inimigo em uma de suas vigas, matando-o por fim.


A tentativa falha de controlar a mente da criatura foi frustrante, mas Greymorning não se abate e logo arquiteta um plano muito melhor. Concentrando-se no jetpack da criatura, ele usa seu tecnocontrole para manipular aquela tecnologia.

Comandante Summers usa Tecnocontrole: Ofícios 3 + 5D (Dif: 6) = 3 sucessos.

Seu domínio sobre a tecnologia se mostra maior do que seu domínio sobre mentes quando com facilidade o mutante assume o total controle do Jetpack da criatura, deixando-a confusa quando o dispositivo começa a voar sob o domínio de Greymorning.

Warzoon 5 desvia: Destreza + Esquiva (Dif: 6) = Nenhum sucesso.
Warzoon 1 (Dano: Força) = 1 sucesso.
Warzoon 5 (Absorção: 3D) = 2 sucessos.

Dominando o Jetpack da criatura, Greymorning a lança contra seu próprio companheiro, acertando em cheio. Porém, Warzoons vestiam trajes que os protegiam de danos superficiais como aqueles e eram vigorosos o bastante para que aquele tipo de choque não o abalasse. Tudo que Greymorning consegue fazer é tirar a criatura do seu lugar.

- Amor, se concentra. Você pode fazer muito mais do que isso. – Psylocke o instiga em meio a batalha.

Canhão ataca: 5D = 6 sucessos.
Warzoon 6 desvia: Destreza + Esquiva ( Dif: 8 ) = 2 sucessos.
Canhão (Dano: 8 + 4D) = 26 sucessos.

Automaticamente, o canhão que Greymorning havia criado no caminhão trava a sua mira em uma das criaturas e faz um disparo com uma rajada elétrica. O inimigo mostra-se incapaz de se desviar, e tendo a eletricidade como sua fraqueza, ele literalmente explode em uma nuvem de cinzas em meio à batalha.


As chamas novamente tomam conta do corpo de Baran, devolvendo a ele a forma dracônica na qual se sentia muito mais confortável. Percebendo que os inimigos queriam derrotá-lo pelo cansaço, ele adere a uma tática diferente, tentando inutilizá-los com suas rajadas de vento.

Wazoon 1: Destreza + Esportes (Dif: 6) = 3 sucessos.
Wazoon 2: Destreza + Esportes (Dif: 6) = 3 sucessos.
Wazoon 5: Destreza + Esportes (Dif: 6) = 2 sucessos.
Wazoon 8: Destreza + Esportes (Dif: 6) = 4 sucessos.
Wazoon 9: Destreza + Esportes (Dif: 6) = 4 sucessos.

Baran bate suas asas com força, criando fortes rajadas de vento e as controlando para transformá-las em um forte turbilhão em torno dos Warzoon. Porém, as criaturas se mostram muito ágeis e resistentes, escapando das lufadas e continuando a voar em volta e a ameaçar o grupo. Apenas um dos Warzoon fora pego e voava confuso, totalmente vulnerável.

Mas embora o grupo ainda tivesse um grande trabalho pela frente com os Warzoon que sobreviveram, uma boa notícia os recebe de braços abertos. O Dr. Crownford finalmente chega com o caminhão ao grande pátio onde fica o Hall da Justiça, derrapando bruscamente enquanto freava o veículo. Como se fossem os próprios, as estátuas de Superman, Batman e Mulher-Maravilha sombreiam o caminhão como se fossem deuses, chegando a aturdir um pouco as criaturas.

E neste breve momento de distração, canhões tecnológicos emergem da estrutura daquele salão, fazendo disparos precisos contra os Warzoon que ainda sobraram, matando a todos quase que instantaneamente. O caminhão finalmente estaciona, e o doutor junto a filha de Baran sentem-se seguros o bastante para saltar.

- Há! Seja bem vindo de volta, doutor. Vejo que trouxe um monte de gente com o senhor! – Diz uma voz jovial do lado de dentro.

A porta do Salão da Justiça se abre...


Sagnac-28-b:


A situação lá fora estava caótica. Além de ver cada vez mais daquelas criaturas surgindo para ir na direção de Kara Zor-El, o Mundo Bélico lançava poderosos disparos de canhões na direção de Vetra. Nenhum tiro foi capaz de abatê-la ainda, atingindo apenas o solo congelado da Antártida e deixando no lugar um cenário apocalíptico. Era extremamente perigoso voar no automático naquelas condições, então, quando Sagnac ativa o modo analógico, controles surgem a frente de seu trono para servi-lo.

Sagnac: Raciocínio 3 x5 + Condução 3 (+3D) (Dif: 6) = 7 sucessos.

Sagnac: Raciocínio 3 x5 + Condução 3 (+3D) (Dif: 6) = 5 sucessos.

Sagnac: Raciocínio 3 x5 + Condução 3 (+3D) (Dif: 6) = 8 sucessos.

Era nítido que após tanto tempo de inatividade, Sagnac já não era tão habilidoso com aqueles controles, seus reflexos não eram os mesmos de outrora. Mas com um raciocínio mais do que avançado, o coluano ainda era hábil em manobrar Vetra, desviando dos tiros com facilidade embora seus movimentos respondessem de maneira mais lenta. Três canhões são disparados, e nenhum deles chega perto de acertá-los com Sagnac no comando. A estrutura da nave nem mesmo sente o calor dos disparos.

“É... Senhor, será que eu devo agendar um novo exercício de pilotagem em sua agenda de tarefas à longo prazo?” Vetra indaga. “A disparos cessaram. Meus cálculos indicam que saímos da linha de tiro ou o agressor perdeu o interesse em nós. Estabilizando vôo neste momento. Chegaremos à Metrópolis em algumas horas”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com
art016

avatar

Mensagens : 28
Data de inscrição : 09/04/2017

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Seg Jul 16, 2018 12:36 pm

Um poderoso disparo de ponto distante da orbita quase nos atinge, infelizmente esse continente intocado por eras finalmente encontrava seu destino de maneira trágica, é possível ouvir os quilômetros de gelo rachando e desmoronando sobre si, o vapor gerado pelo primeiro impacto do disparo inunda a atmosfera, nos envolvendo em uma espessa neblina, abaixo o solo da ilha  congelada se torna magma, ao julgar pelo brilho gerado pelo calor no ponto onde atingiu o solo sob a escuridão do eclipse artificial é visualmente impossível voar nessas, sentado como capitão de uma nave sem tripulação, era desviar ou encarar a fúria de aço dos céus...



Estávamos em clara desvantagem, da distancia que disparavam era possível cobrir vastos quilômetros de distancia com o menor esforço, como comparativo, use a tecnologia do hubble, capaz de identificar uma vela acesa na terra daquela distancia, então já da pra imaginar o que uma tecnologia de mira mais avançada em eons pode fazer, a navegação pelo local é arriscada, por baixo entre as nuvens de vapor e gelo explodindo por causa do choque térmico violento, dava pra ver grandes pedaços se desprender em meio as sombras, alguns levantando uma ponta aos céus enquanto a outra parte mais pesada afunda, seja lá que segredos essa área guardava, já se foram em meio a esse caos, poderíamos voar por cima mas não quero atrair possíveis soldados desses que ainda possam estar no local, passam-se alguns minutos entre os disparos, minutos como mergulhar em profundidade, sob uma pressão esmagadora e longos períodos sem respirar, não por ausência de oxigênio nesse caso;



-Se estão usando este tipo de poder de fogo contra uma espaço-nave do seu porte Vetra, só nos resta especular se essa tal metropolis já não é mais que uma cratera fumegante a essa hora...




Vetra e eu sentíamos o peso do tempo parados nas manobras, como um certo turian diria, "na duvida, calibre mais...", não sei se esse seria o caso,mas com certeza seria motivo para uma boa revisada nela depois de isso tudo terminar, claro, se anbos chegarmos até um final disso inteiros e operantes, a resposta lenta não é dela eu sei, mas ajuda a colocar tudo nos eixos, tanto ela como minhas habilidades, somos uma nave e um capitão sem tripulação, cuidado tem que ser mais que redobrado...



Depois de sairmos da hecatombe que três disparos causaram, Vetra diz que parece que escapamos do interesse deles;



-Certo Vetra, mas vamos ficar de olho de qualquer forma, caso mudem de ideia...



Me reclino na cadeira, cotovelos apoiados, dedos cruzados na horizontal na frente do rosto, agora era esperar, não importa o quanto tempo leve nessa velociade inferior, não será o suficiente para o que temos que pensar e revisar;



-Vetra por favor, um pouco da historia dessa tal de metropolis, e como esse tal Kal-El, vulgo Superman, faz parte dela exatamente, quem o ajudava, quem ia contra ele, e o que temos mais sobre essa tal Darkside, se possível, se ambos já se conheceram de alguma forma...




Imagino que não haja muito, para boa parte das especies dessa região do universo, esse planeta dele ainda fica alem do horizonte observável, se houver algo, não deve ser muito mais do que ja sabemos...



Off: Seguir para metropolis, ficar de olho em possíveis alvos hostis, localizar o local indicado e ver se ainda há sinais humanos amistosos lá.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Tony.B

avatar

Mensagens : 106
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Ter Jul 17, 2018 10:07 am

As criaturas eram persistentes e mesmo diante dos ataques dos outros combatentes elas ainda atacam alvejando o soldado e o garoto com o simbolo do superman... Desfraldo as minhas asas, tentando faze-las atrapalhar as criaturas... Mas elas se mostram ágeis...

Quando vou alcar voo para elimina-las... O veiculo chega a uma construção... Vejo a imagem de Diana e me permito contempla-la... A magnitude deixa as criaturas estáticas... E tiros são disparados da fortaleza... Eliminando as criaturas... Ao ver que estávamos livres delas... Retorno a minha forma humanoide e caminho ao lado da pequena... Vejo as portas da Fortaleza se abrirem...

Mostro a estatua a pequena e falo...

Aqui vc estará em segurança... Para que eu possa eliminar essas criaturas...

Assim que a porta abre eu entro no local... Não queria perder mais tempo lutando contra seres inúteis... Queria ir logo para a fonte da invasão...

_________________
Fala
Pensamento
Ação

Baran - Imperador Dragão

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nemesis.

avatar

Mensagens : 111
Data de inscrição : 07/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Sex Jul 20, 2018 4:58 pm

Mandei aquele Warzoon pra longe mas ainda tinha mais. O grupo tava mtu cansado pra derrotar eles tão rápido como a gente tava fazendo.

"Vai levar mais um tempo, se vier mais deles a gente ta ferrado"

Mas para o bem de tds o crowford finalmente chega na sala de justiça e alguns canhões atiram pra destruir os Warzoon que faltava. Agora o que estava me irritando era olhar para a estátua do Superman como se ele fosse um deus.

- Vc não é herói. Se o mundo soubesse o que a sua família fez com krypton vc seria um monstro.

Não gosto do que estávamos fazendo. Parecia que eu estava me escondendo e fugindo da briga. Mas a gente precisa recuperar as forças e pensar no melhor jeito de acabar com essa invasão. Baixo a cabeça e entro no salão.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
leesiuloong

avatar

Mensagens : 102
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Qua Ago 01, 2018 12:47 pm

Chegamos a um local seguro, uso meus poderes para entender aquela torre da justiça, queria saber de toda a sua capacidade.

Os grandes herois tinham suas estátuas aqui, ouço a fala de Nemesis e digo:

_As historias são contadas pelos vencedores...

Calmamente compartilho então como Grupo o que vi no mundo das maquinas quando entrei na mente do Warzoon. E peço a Psylocke mentalmente para ficar ali como uma base de apoio e transmitir as informações a Forge.

off: grupo os pjs

_________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com/t32-comandante-greymorn
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 450
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Qua Ago 08, 2018 1:00 am

Plano B – A Queda de Metrópolis – Parte 2

As portas do Salão da Justiça se abrem, e o Plano B e seus aliados o adentram, deixando para trás uma Metrópolis mergulhada em um caos que só os seus poderes não são capazes de combater. Lady Nêmesis encara com desprezo a estátua do Superman. Imperador Dragão caminha segurando a mão pequena de Daenerys. Comandante Summers passa pelo corredor escuro ao lado de Psylocke tentando absorver a tecnologia daquele lugar.

- Conner, por favor... – O Dr. Crowford chama ao chegarem em um portão interior.

O Superboy se aproxima calmamente, colocando seu rosto a centímetros de um painel naquele portão. Logo o painel lança uma luz sobre sua retina e o reconhece como o Superman, abrindo-se para que todos pudessem entrar. Do lado de dentro o grupo se depara com um salão onde no centro havia uma grande távola com várias cadeiras confortáveis em volta, e nelas estava sentado um grupo de oito heróis um pouco jovens demais aos olhos do Plano B.

- Plano B, quero que conheçam os Titãs... Kid Flash, Arsenal, Mutano, Ravena, Devastadora, Besouro Azul, Estelar, Superchoque e a Moça Maravilha. – O Dr. Crownford começa as apresentações. – Titãs, quero que conheçam o Plano B... Imperador Dragão, Comandante Summers, Lady Nêmesis, Justiceiro Solitário e Psylocke.

- Esperem... Onde estão Robin e Aqualad? – O Superboy indaga aos Titãs.

- Gotham e Atlântida também estão com problemas. – Estelar lamenta, levantando-se da mesa e indo em direção ao Plano B. – Sejam bem vindos, é um prazer conhecê-los. Espero que possam nos ajudar a salvar a cidade dessa invasão.

Estelar era uma jovem alienígena de menos de vinte anos, apenas Ayla reconhecia sua raça como pertencendo a um membro dos Tamareanos. Apesar de não ser uma humana, ela manifestava uma simpatia característica dos habitantes da Terra. Neste momento, o Dr. Crownford complementa a fala da garota.

- Foi exatamente por isso que eu organizei este encontro. – Diz o doutor a todos. – Como vocês podem ver, a cidade está a beira de um colapso, e muito em breve todo o planeta estará também. Sem a Liga da Justiça, não restou mais ninguém além de vocês. O Plano B e os Titãs são o último bastião da Terra. E por isso, mesmo que de última hora, eu espero que vocês se unam pela causa.

“Contem conosco”, “Tô dentro”, “Estamos aqui para ajudar”, são frases que vem dos membros dos Titãs. Eles eram de fato muito jovens, ofereciam sua ajuda e assumiam o risco de pronto, sem ter muita noção daquilo que enfrentariam, a típica impetuosidade juvenil. E neste exato instante, um tremor abala de leve a estrutura do salão!!!

Do lado de fora...

Sagnac havia cruzado aquele planeta do Ártico até os Estados Unidos da América, e pelo caminho o coluano percebe que a invasão pelo planeta ainda era tímida. Provavelmente ainda estava em fase 1. A coisa só fica pior quando Vetra alcança o espaço aéreo de Metrópolis, onde a invasão se concentrava de verdade, com os exércitos humanos sendo massacrados e os civis abatidos sem a menor piedade.

Pelo caminho, o coluano nota algo que lhe chama a atenção naquelas criaturas. Segundo as leituras de Vetra, os Warzoon estabeleceram colônias em quatro pontos diferentes: Smallville, Ilha Stryker, Parque Centenário e Estádio Esportivo Luthordome. Segundo as análises de Vetra, estas, estas colônias funcionavam como centros de comando vigiadíssimos pelos Warzoon e possivelmente seria o ponto de onde vinham suas ordens em terra.

Vetra localiza um ponto em Metrópolis em que o Superman e a Supergirl costumava se reunir com outros campeões daquele mundo. Era uma base de operações para ela, e provavelmente poderia encontrar seus aliados naquele lugar. Cuidadosamente a nave pousa no pátio do Salão da Justiça.

“Senhor, é este o local. Meus scanners detectam assinaturas de vida no interior que não são semelhantes as dos Warzoon. Sugiro que bata a porta e busque fazer novas amizades”, diz a consciência da nave.

As portas da nave se abrem...  
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com
art016

avatar

Mensagens : 28
Data de inscrição : 09/04/2017

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Qui Ago 09, 2018 1:59 pm

Parecem relativamente próximos Interessante, dada a area de cobertura deles e tamanho de pessoal disponível, não deve ser todos mas o suficiente para manter um pessoal na ativa, huh me pergunto se as outras nações desse planeta podem ter a mesma chance de cogitar um contra ataque como essa região, huh, humanos, perdem tanto tempo com coisas tão poucas...



Vetra diz que o local não parece conter o mesmo padrão dos warzoons, pelo visto este deve ser mesmo esse lugar, fecho meu visor e caminho pelos corredores, diz que devo fazer novas amizades, deixo um clone no meu lugar e me preparo para sair, entendo a ideia mas acabo achando graça da situação incomum em que estamos;



-Huhuhu novas amizades para que? Apenas para perder horas depois? Todos que conhecemos se foram, mesmo nossa ultima amizade, pelo visto, vamos... Colaborar com eles, se não quiserem nossa ajuda, bom, fizemos nossa parte ao menos...




Verifico se esta tudo ok com a roupa, o lugar enquanto a porta despressuriza e abre;



-Eles com certeza devem ter nos ouvido ou visto chegar, esse lugar foi atacado então devem ter gente de vigia, se se escondem aqui, vamos lá, ver o que sai das cinzas para nos falar oi...



Respiro fundo e saio da nave, peço para lacrar as entradas e para ficar de olho, desço e fico parado de braços cruzados atrás apenas aguardando como um pato no meio do lago ao aguardo do disparo do caçador.



Off: Esperar fora da nave algum humano ou residente aparecer, se surgir, digo para se acalmar e que procuro um individuo da especie homo sapiens, identificado pelo nome Crowford.



Vetra se ninguém surgir, bata com um dos tentáculos no chão 3 vezes para que escutem.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nemesis.

avatar

Mensagens : 111
Data de inscrição : 07/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Dom Ago 19, 2018 9:24 am

Já tinha ouvido falar desse salão. Era o lugar em que Kal-El e a sua patotinha se reuniam para brincar de salvar esse mundo e posar de bom moço. Nunca me imaginei aqui mas agora estou fazendo a msm coisa.

“Titãs?”

Um nome meio forte para um bando de crianças. Deve ser decepcionante pras pessoas ouvir que os titãs estão vindo salvar o dia e descobrir que eles são só aqueles garotos. Tive vontade de falar isso abertamente mas eles eram o nosso apoio. Melhor não estragar relações agora.

- O que foi isso?

A sala td tremia, será que a gente estava sobre ataque denovo? Fico em posição de guarda esperando qualquer ação inimiga.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Tony.B

avatar

Mensagens : 106
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Dom Ago 26, 2018 9:42 am

Entramos na estrutura da Liga... Caminho pelos salões e logo o humano nos apresenta para um grupo de heróis... Mas vejo que eram apenas jovens mortais...

Ótimo que estejam dispostos a derramar o sangue... Lutamos contra essas criaturas, mas o verdadeiro oponente é aquele nos céus...

Busco uma cadeira e coloco a pequena Day na mesma e continuo falando...

Cuidem das coisas na cidade... Eu vou até lá e porei um fim a essa guerra...

Ouço o estrondo a frente e levo minha mão ao cabo da espada e caminho para o local do som para ver o que estava acontecendo...

_________________
Fala
Pensamento
Ação

Baran - Imperador Dragão

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
leesiuloong

avatar

Mensagens : 102
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Sab Set 08, 2018 5:08 pm

Estávamos no Palácio da Justiça, conheço alguns herois que estavam ali, mas sinto que algo não estava certo. Eles poderiam ter ajudado a cidade, mas ficaram aqui aguardando? Bom, agora não era hora de me preocupar.

Ouvimos barulho do lado de fora, vou caminhando enquanto tento entrar nos computadores o Palacio, não iria forçar, queria sentir apenas a segurança. Mas, vou sim, seguindo o grupo, um pouco atras, mas ia ver o que acontecia.

_________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com/t32-comandante-greymorn
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 450
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Qui Set 20, 2018 11:07 pm

Todos dentro da Sala de Justiça entram em alerta, pensando que o ataque dos Warzoon finalmente recaiu em peso sobre a base. Planos de defesa começam a ser estipulados pelos Titãs, enquanto o Plano B apenas mantinha a cautela. O Dr. Crowford então corre em direção a um dos computadores da sala e ativa as câmeras de vigilância. No pátio exterior, uma nave gigantesca de origem desconhecida estava pousada, enquanto uma figura humanóide totalmente envolta em uma espécie de traje parecia aguardar ser recebida.

- Quem é esse aí? – O Kid Flash indaga.

- Amigo? – Questiona o Superchoque.

- Duvido muito. Deve ser algum tipo de mensageiro ou mesmo o líder dessa invasão, ele também tem uma nave alienígena, não é? – Supõe o Superboy. – Deixem que eu cuido disso. – Diz ele, socando a palma da mão com o punho e produzindo um forte impacto.

- Não, espere! – Pede uma voz feminina que até então ninguém havia escutado até agora.

O Superboy estava prestes a ir até o portão da sala, quando essa voz o interrompe e chama a atenção de todos lá dentro. Então, alguém que estava se mantendo invisível começa a materializar-se na forma de uma bela garota de cabelos castanhos e pele verde, usando um uniforme escuro e vermelho com uma capa azul clara, semelhante ao do Caçador Marciano.

- Você é M’gann M’orzz... – Diz M’Kai, profundamente perturbado. – Jamais pensei que outros além de J’ohn J’onzz e eu houvessem sobrevivido. – Ele completa pensativo.

- Miss Marte, você veio! – Estelar comemora com a felicidade de quem revia uma amiga.

- Sim, eu pretendia me afastar depois da morte do Tio J’ohn, estava abalada demais. Mas a Terra corre perigo, e eu sei que ele iria querer que eu tomasse o lugar dele para defender este mundo. – Diz a marciana, sendo consolada pela Moça Maravilha.

- M’gan, você conhece aquele sujeito lá fora? – Superboy indaga, apontando para a figura que aparecia na câmera a frente de uma grande nave.

- Sim... Quer dizer, não. – Ela reponde confusa. – Eu notei senti a mente dele quando estava vindo para cá. – É muito diferente da de vocês ou dos nossos inimigos. É uma das mentes mais complexas e cheias de informações que eu já li. Ele não é nosso aliado, mas está aqui para ajudar. Veio à pedido de Kara Zor-El, e parece que trás informações tanto boas quanto ruins...

Um tanto relutante, o Dr. Crowford finalmente decide apertar o botão que liberava a entrada da Sala de Justiça, enquanto alguns o olhava com um olhar duvidoso sobre se ele deveria ter feito isso tão rápido. Do lado de fora, a entrada de Sagnac parece liberada quando o portão duplo diante dele se abre automaticamente. Era estranho que permitissem a sua entrada de maneira tão fácil, sem fazer perguntas, e o coluano já mantinha suas defesas preparadas para uma possível armadilha. Mas o que ele vê do lado de dentro é apenas um grupo de indivíduos que claramente variam entre humanos, mutantes, divindades e outras espécies de alienígenas. Não parecem ser hostis, não ainda...

- Olá, seja você quem for. – Diz um humano com aparência de doutor. – Sua entrada na Sala de Justiça foi permitida por nossa telepata informou que você trás notícias para nós, e temos motivos para acreditar que não seja nosso inimigo. Mas a sua presença aqui é um mistério total e está intrigando a todos nós. Meu nome é Dr. Crowford e estes são os Titãs e o Plano B. Quem é você, afinal? Qual o seu objetivo aqui? – O humano indaga.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com
art016

avatar

Mensagens : 28
Data de inscrição : 09/04/2017

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Sex Set 21, 2018 2:43 pm

O silencio das cinzas nos recebe de braços abertos, por um tempo, será que nos notaram? Aguardava o inesperado da forma mais estoica possível. Entrar numa fortificação de resistência sem comunicação não era exatamente a mais amistosas das interações, até que o ruido da porta abrindo irrompe o silencio, como aquele laser destruindo a geleira, destruindo o silencio tétrico daquele lugar e inundando aas sombras com possibilidades do que iria sair de lá, mas nada sai, apenas está lá, aberta, olho para Vetra por um instante.



-Se um exercito saísse apontando armas para nós seria uma visão mais tranquilizadora não acha? Por favor fique de olho, as vezes esqueço que sou tão alienígena aqui quanto eles para min...




Digo para Vetra enquanto caminho tranquilamente de braços cruzados atrás, ninguem nos aguardava escondido, isso tudo é medo de nós? Penso, até chegar numa sala, onde nossos intrepidos anfitriões nos aguardavam, um misto de medo e poses corajosas, especies de origem e fisiologias diferentes, bom, não era exatamente o exercito treinado que eu esperava, não é hora para panico, mas com certeza não me tranquilizo.



Um humano se apresenta, um cientista, ele se identifica como Dr. Crawford, como a garota disse, não demonstro qualquer tipo de reação mas digo de maneira disciplinar;



-Não escanear a mente dos outros sem autorização seria uma introdução mais adequada não acha...




Eu sabia que toda cautela era precaução, compreendo, mas não é algo que posso deixar me intimidar, continuo logo após, com calma, de forma que entendam cada palavra;



-Vetra é o nome do organismo biomecânico la fora, quanto a min, podem me identificar como Sagnac, entendo que minha presença aqui está longe de ser aguardada, mas por favor, guardem suas perguntas e carrancas para uma hora mais oportuna.




Me viro para Dr. Crawford;



-Uma garota usando uma especie de uniforme azul com capa vermelha com um "S" no peito me mandou aqui, me pediu para lhe dizer algo, bom, ela não pediu segredo, mas devo dizer que são informações um pouco delicadas, então sugiro prudência aos demais.




Então entrego a mensagem:



-Ela, a tal Supergirl, identificada como Kara Zor-El pelo computador, me pediu para lhe informar que Kal-El está vivo.




Olho para o grupo, ainda de braços cruzados para traz, vamos lá;



-A garota, ativou os alarmes de minha nave ao se aproximar perseguida por um enxame dos warzoons enquanto hibernávamos no continente congelado, trouxemos ela abordo depois que abatemos as criaturas e ela caiu inconsciente, mas intacta, ao despertar ela peguntou se poderíamos ajuda-la com uma tarefa de suma importância, aceitamos, e a seguimos até uma construção de origem extra-terrena, uma fortaleza construída ao estilo de Kyrpton segundo registros, lá ela me pediu para ajudar a trazer alguém de volta a vida, uma entidade conhecida como Superman pelo povo desse planeta, Kal-El, pelo computador e por ela, não foi exatamente uma tarefa fácil mas conseguimos agilizar o processo até onde conseguimos, mas ouve um problema...




Respiro fundo e continuo, como vou explicar isso há eles? Penso já falando;



-Os protocolos de segurança do local ativaram, nos surpreendeu que aquilo acontecera, o computador, a inteligencia artificial identificada como Jor-El barrou a ordem dela, dizendo que Kal-El, não poderia ser trazido a vida pois ele não havia expirado, não havia entrado em óbito, e seguiu dizendo enquanto digeríamos essa informação exibindo um mapa, do universo visível atual, apenas para mostrar que ele não estava nessa bolha visível e sim em um lugar fora... Em uma localização tatalante alem do limite observável atual de seus aparelhos, Um exoplaneta, identificado por ele como "Apokolips", e que está era a localização atual de Kal-El.




Creio que trouxe mais duvidas que respostas, deixo digerirem um pouco tudo isso então continuo;



-Antes de tentarmos esclarecer algumas coisas, o lugar, a fortaleza se tornou alvo de warzoons, primeiro um grupo de batedores, cuidamos deles, mas um verdadeiro enxame nos alcançou, queria ter ajudado contra eles, mas eles escureceram ainda mais os céus com seu numero, Senhorita Kara disse que era atras dela que eles estavam, então após dizer para encontrarmos Dr.Crawford, ela atraiu a atenção deles e desapareceu com o enxame, seu status é desconhecido para nós, quase fomos atingidos por disparos alem da orbita, que destruíram o lugar e talvez a base, e aqui estamos, como ela nos pediu.




Informação dada, mas era algo que deveriam se preocupar mais para frente, depois de um tempo eu continuo;



-Entendo que isso deva ser de uma urgência sem tamanho mas antes de qualquer coisa, tem objetivos mais ainda mais solícitos que esse, isso claro, caso queiram salvar este planeta, mas vou precisar de um mapa para explicar isso, Vetra, a "espaçonave" lá fora, identificou quatro pontos de importância para o exercito warzoon, Smallville, Ilha stryker, Parque centenário e Estadio de entretenimento esportivo Luthordome, esses quatro pontos funcionam como centro de comando para eles, se desejam começar um contra-ataque, eis os alvos.




Olho para o individuo de armadura negra e espada nas costas;



-Eles quase nos atingiram com um disparo de fora de orbita com uma arma de potencia que eclipsaria boa parte de seu arsenal nuclear, sugiro que levem algo mais eficiente do que uma "espadinha prosaica" se planejam um ataque direto contra eles, sejam rapidos por favor, seu planeta esta a beira de cair.



Temos pouco tempo, os exércitos estão sendo massacrados lá fora e este planeta esta a beira de cair de joelhos, se que já não esta, eu estava tranquilo, nervosismo não adiantaria nada ali.



Off: Contar o que ouve, entregar toda informação possível sobre os alvos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Tony.B

avatar

Mensagens : 106
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Dom Set 23, 2018 10:48 am

Vejo que todos ficam em alerta quando identificam a presença de um ser lá fora... Pela sua aparência, não parecia muito apto a batalhas... Mas após uma outra que devia ser da mesma raça do Justiceiro se revela e fala que ele estaria ao nosso lado...

Ele entra... Mantenho meus olhos sob ele, caso ele tentasse algo, iria cortar ele ao meio... Logo ele inicia a contar o que lhe aconteceu... E fala que Superman está vivo...

Isso quer dizer que a Princesa tb possa estar...

Ao continuar com seus discurso ele fala que existem 4 locais que devem ser abatidos para que possa ser iniciado um fim a essa invasão...

Eu vou derrubar um desses locais... Conseguem mostrar nessas coisas os locais...

Iria aguardar que mostrassem naquelas coisas que eles usavam pra ver outra parte da cidade... Tinha que acabar com isso logo para poder ir em buscar de informações sobre minha Princesa...

_________________
Fala
Pensamento
Ação

Baran - Imperador Dragão

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nemesis.

avatar

Mensagens : 111
Data de inscrição : 07/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Dom Set 23, 2018 10:54 am

Não sei o que pensar sobre ter aquele bando de crianças com a gente. Ter poderes não é o msm que estar preparado e a terra tava precisando de um exército. O tremor vem pra interromper meu pensamento mas alguém que não estava ali antes aparece pra nos explicar o que acontecia.

“Miss Marte? Outra criança...”

Um mensageiro estava lá fora e de maneira precipitada o Crawford abre a porta do salão pra ele entrar. Esses terráqueos não devem saber o que é cautela. O mensageiro entra e trás duas notícias ruins.

“Kal-el ta vivo? Já imaginava que aquela explosão não era o bastante pra matar um kriptoniano”

Pelo o que ele diz os warzoon tinha quatro bases. Interessante. A gente podia causar um bom estrago no exército deles se as destruíssemos.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
leesiuloong

avatar

Mensagens : 102
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Qua Set 26, 2018 6:24 pm

Deixem um local desses comigo,

_ Psylocke, Besouro Azul e superchoque vocês me ajudariam?

Se pudesse resolver essa invasão e ajudar a liga, talvez eu conseguisse apoio para evitar a guerra, era nisso que eu pensava, apenas isso me interessava. Apesar de não lembrar de Baran, Nemesis e M'kai na guerra.

Eram novos fatores, que poderiam ser úteis.

_Quais esses lugares? -pergunto queria analisar bem eles e saber qual teria mais chance.

_________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com/t32-comandante-greymorn
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 450
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Sab Set 29, 2018 2:34 pm

O olhar de todos os heróis da Sala da Justiça recai sobre Sagnac quando este se aproxima. O tom de suas palavras é um tanto indolente, deixando Miss Marte constrangida com sua censura, mas não chega a incomodar aqueles que lhe ouvem. Apenas quando ele revela que o Superman estava vivo é que todos se alteram.

- O que? O Superman está vivo? – O Kid Flash indaga.

- Então isso quer dizer que os outros também estão? – Superchoque levanta a questão.

- Isso é impossível. Por que ele estaria em Apokolips e não aqui salvando a Terra? – Questiona a Ravena.

Uma pequena discussão se instaura, mas todos se calam quando o Dr. Crownford pede com seus acenos. Então, Sagnac continua, revelando o que havia acontecido com Kara, e por mais que o coluano tenha suavizado dizendo que seu status era desconhecido, todos deduzem com facilidade o que havia acontecido. “Kara se sacrificou” é a conclusão a que os Titãs chegam.

O silêncio toma conta daquele salão. Estelar chora, sendo consolada pela Moça Maravilha, enquanto os outros parecem ainda mais indignados com aquela invasão. Dr. Crownford era o mais abalado com o que acontecera com a Supergirl, mas mesmo assim, ele toma a palavra.

- Imperador Dragão e Comandante Summers estão certos. É preciso derrubar os quatro locais citados por Sagnac. Aposto que são o centro de controle deles, e sua queda daria uma chance para os nossos exércitos. – O doutor declara. – Sigam o exemplo já dito pelo comandante e vamos nos separar em quatro equipes de quatro membros. Eu quero o Plano B e Sagnac na liderança desses grupos...

- Espera aí. – Superboy interrompe o doutor. – Nós somos os Titãs. Tecnicamente, nós somos a segunda equipe no comando depois da Liga da Justiça. Foi para isso que fomos treinados. Por que vamos ser comandados por eles? – Indaga ele, referindo-se tanto ao Plano B quanto a Sagnac.

Os Titãs parecem concordar com o Superboy. Começam a comentar entre si e a censurar a escolha do Dr. Crownford. Embora fossem simpáticos e tivessem recebido o Plano B e Sagnac de maneira amistosa, não pareciam convencidos de que os quatro fossem ideais para liderar aquele assalto. Mas o Dr. Crownford logo trata de mudar a opinião deles.

- Vocês por um acaso estão loucos? – O doutor questiona, calando o tumulto daqueles jovens. – Imperador Dragão: regente máximo de Faerun por eras e senhor dos dragões. Comandante Summers: Líder da Falcon X e segundo no comando em uma guerra apocalíptica de um mundo alternativo. Lady Nêmesis: Soldado de elite dos exércitos de Krypton, treinada por ninguém menos do que o próprio General Zod. E Sagnac: Detentor de nada mais do que um intelecto acima do nível 12.

Os Titãs se calam. Por mais que eles já tivessem feito para ajudar a salvar o mundo, nada se comparava aos títulos e capacidades citados pelo doutor. Quando olham para o Plano B, parecem constrangidos e mais solícitos, envergonhados pela atitude que tiveram.

- Você não vai a lugar nenhum sem mim. – Psyloche diz a Greymorning.

- Vou fazer o que for possível para ajudar. – Diz o Besouro Azul timidamente ao mutante.

- To contigo, cara. Vamos detonar aquele lugar. – Diz o Superchoque, fazendo eletricidade brotar em suas mãos enquanto se aproxima de Greymorning.

Os outros apenas olham, esperando serem escolhidos e saberem qual dos locais cada um irá invadir e como.
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com
Tony.B

avatar

Mensagens : 106
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Seg Out 01, 2018 8:06 am

Vejo que a revelação de que o Superman estava vivo... Uma coisa se sobressai em minha mente... Se ele sobreviveu, talvez a minha princesa esteja viva... Mas agora não era o momento de pensar nisso...

Vejo que os mortais eram frágeis... Apenas a informação de que ele estava vivo, mas não aqui, abala os seus ânimos...

Logo o Doutoro Crownford os acalma e informa que devemos derrubar os locais e que o Plano B e aquele que chegara novo deveriamos liderar as equipes...

Mas os Mortais não aprovam a ideia... Os contemplo... Eram crianças... Pouco mais velhas do que a pequena Day... Penso em impor sobre eles a minha força e vontade... Mas me recordo que fora assim que eu me desviei do caminho...

Eles precisam me seguir... Não pela força ou pq os dobrei a minha vontade... Mas pelo seu proprio senso de justiça e dever...

Assim que o Dr Crownford fala em nosso nome, eles parecem chegar a razão e se mostram amistosos novamente... Olho cada um deles... Nãos os conhecia em combate e por isso não tinha muita ideia do que eram capaz de fazer...

Mas aquele que vestia a blusa com o simbolo do Superman havia lutado ao nosso lado... E frente a uma invasão... Saltara de encontro ao inimigo...

Superboy... Vc ficará ao meu lado... Irei lhe mostrar como se batalham os Deuses...

Vejo a Moça Maravilha... Ela vinha da mesma ilha que minha princesa... Mas não queria lutar ao lado de alguem assim no momento.... Vejo uma outra que pelas suas vestes era uma feiticeira...

Feiticeira... Quero seu poder ao meu lado... Com a magia dos Deuses e a sua Magia... Podemos destruir esses seres que ousam desafiar a terra quando eu estou aqui...

Analiso novamente os membros.... Alguns me parecem frágeis demais... Ou insolentes demais... Mas reparo na garota que estava oculta... A sua pele era semelhante a de M'Kai.... E parecia ter os mesmo poderes que ela... Aponto para ela e falo...

Vc... Creio que seja da mesma origem que M'kai... Creio que posso usar seus poderes para derruba-los...

Olho as imagens dos locais e vejo que um deles é um campo aberto.... Lá poderia usar meus poder sem me preocupar...

Iremos a esse Parque... Lá não precisarei conter a minha força e poder...

Assim que todos estivessem prontos.... Iriamos sair...

_________________
Fala
Pensamento
Ação

Baran - Imperador Dragão

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
art016

avatar

Mensagens : 28
Data de inscrição : 09/04/2017

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Seg Out 01, 2018 6:10 pm

Mesmo mostrando o fato de que não registramos o que ouve com a garota, muitos tomam como certo seu destino, não adianta nada dizer o contrario sem provas, mas ao menos não crio falsas esperanças, caso realmente não tenha sobrevivido.



A garota de ar misterioso pergunta por que ele estaria lá se estivesse vivo;



-Desconheço Senhorita, se ele e esse déspota que governa aquele lugar fazem jus a alcunha que ambos carregam, ou estão em combate até hoje ou algo alem de nossas expectativas deve estar ocorrendo, tenho teorias, mas não serviram para nada senão gerar mais confusão.




Eles não reagem bem ao que pode ter ocorrido, sim eu me mantenho cético quanto ao que pode ter ocorrido com ela, de qualquer forma, após isso parece acontecer alguma tensão entre as equipes, não imaginava que todo nosso contra ataque estava reunido ali, naquela sala, demonstro meu direito de descrença: levanto uma sobrancelha, em vão, ninguém  veria por trás do visor sem ter algum motivo, digo para ambas as equipes;



-Isto não se baseia em quem deve mandar e quem deve obedecer, e sim como iremos enfrentar eles agora, não conheci essa tal liga da justiça, mas está claro de que se cairmos, ninguém vira ao resgate e isso eu sei melhor do que eu queria, nos somos a ultima esperança desse lugar pelo qual eles lutaram tanto.




Eles começam a se dividir em grupos:



Olho para alguns deles;



-Você, você e você, preparem-se, seguiremos direto para Smallvile;




Não havia muito tempo então espero que estejam com tudo que precisam para partirmos, depois digo para Vetra;



-Vetra por favor, preciso de informações de como está smallvile agora se possível, prepare os motores, uns colegas irão nos ajudar a levar a guerra até os warzoons.




O lugar era uma singularidade que se escondia por traz de um devastador horizonte de eventos que foi as ultimas horas, poderíamos ser recebidos por uma saraivada de warzoons ou pegar eles de surpresa, teria que ser algo discreto? Uma entrada meteórica? Uma verdadeira missão suicida?Veremos, compreenderemos e conquistaremos...



Off: Mutano, Kid flash e Arsenal. conseguir informações sobre o lugar antes, e o que pode nos aguardar.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
leesiuloong

avatar

Mensagens : 102
Data de inscrição : 06/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Ter Out 02, 2018 3:21 pm

Olho para Miss Marte e para M'kai, assim como para Segnac, crio com ajuda de um celular um projetor holografico e mostro a imagem do ser aquela criatura que controla todos os Warzoons.

_Esse ser é o líder deles, consegui atingir sua mente, mas fui expulso. Porém pelo que parece são como uma colmeia, uma inteligência unica comandando essas criaturas.

Preparo-me para a missão:

_Psylocke, lá devemos ser discretos e infiltração seria o melhor, Super Choque e eu podemos lidar com aparatos tecnológicos e Besouro Azul não precisa ficar tímido, aqui somos todos aliados e te escolhi por saber que vc é capaz você vai nos ajudar a identificar as vigilâncias e se der errado de maneira sorrateira nenhum de nós é melhor que você para salvar o grupo.

Queria passar confiança para ele, ele tinha futuro, mas faltava confiar em si mesmo, porém isso iria mudar nessa missão.

_________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paladinosdajustica.forumeiros.com/t32-comandante-greymorn
Nemesis.

avatar

Mensagens : 111
Data de inscrição : 07/05/2016

MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   Dom Out 14, 2018 9:36 am

As crianças fazem um alvoroço pq não vão liderar mas pelo menos o Crowford serve pra colocar elas no devido lugar. As informações que aquele emissário trouxe foram mtu boas. Acho que se destruirmos aquelas bases vamos dar um grande prejuízo no exército inimigo.

“Vejo eles fazendo suas escolhas mas não sei com quais critérios”

Olho para aqueles que sobrou e vejo que poucas mulheres foram escolhidas. Os guerreiros desse mundo nunca levaram mta fé na força feminina...

- Estelar, Devastadora e Moça-Maravilha venham comigo. Eu ajo melhor quando não tem tanta testosterona por perto.

Olho para as opições e não vejo mta diferença entre ela.

- Vamos derrubar o Luthordomme. Aquele careca já me ofendeu uma vez...

Sigo para a saída daquele lugar esperando que as meninas me acompanhem.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Plano B - A Queda de Metrópolis   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Plano B - A Queda de Metrópolis
Voltar ao Topo 
Página 4 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
 Tópicos similares
-
» COD AW 1080p Ps4; Xone com resolução Dinâmica
» Dragon Age Inquisition - A fraude do ano.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Paladinos da Justiça :: Jogos :: Arcos-
Ir para: